Confira os detalhes do Enem Digital em 2020

estudante conferindo enem digital

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) está prestes a passar por uma grande mudança, trazendo uma novidade que vai revolucionar o modo como as provas são aplicadas. Estamos falando do Enem Digital 2020, que está previsto para acontecer em outubro desse ano.

Diferentemente da prova tradicional, no Enem Digital, ou virtual, o candidato realizará as provas por meio do computador, via internet. Assim, não haverá um caderno impresso. O intuito é melhorar a logística do exame, reduzir custos e possibilitar a realização dele mais de uma vez.

Essa proposta já foi apresentada em 2015, mas somente agora ela volta com força. Quer saber mais? Continue lendo para entender:

O que é o Enem Digital?

O ensino superior passou por mudanças positivas ao longo dos anos, principalmente com a adoção do formato EAD (ensino a distância), possibilitando fazer uma graduação digital com a mesma qualidade de ensino dos cursos presenciais. Agora, o ingresso na faculdade vem se modernizando, inclusive com a novidade no Exame Nacional do Ensino Médio.

A proposta do Enem Digital 2020 é fazer a aplicação das provas do exame utilizando a tecnologia. Não serão impressos cadernos, pois as perguntas serão respondidas nos computadores dos laboratórios de informática das escolas selecionadas pelo INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira).

Nesse primeiro momento, o Enem Digital será aplicado como uma forma de teste para alguns poucos candidatos. No entanto, a intenção do governo é aplicar o Enem 100% digital até 2026, ou seja, os cadernos impressos deixarão de existir nos próximos anos.

Além disso, a utilização dessa tecnologia também permitirá uma inovação no modo como as questões são aplicadas. Nesse caso, será possível explorar de maneira mais ampla infográficos, vídeos e até mesmo seguir a lógica dos games para testar o conhecimento dos candidatos.

Assim, o Enem Digital 2020 difere-se do tradicional pelo fato de não ser mais necessário imprimir os cadernos. Aliás, esse foi um dos motivos para implementação do projeto, pois são gastos cerca de 500 milhões com o exame atualmente, e sua versão virtual custaria aos cofres públicos apenas 20 milhões, e ainda gerando menos resíduos.

Como vai funcionar e quem pode participar?

O Enem Digital 2020 vai funcionar basicamente da mesma forma como a prova tradicional. O candidato terá que comparecer ao local do exame, mas, em vez de receber o caderno impresso, responderá às perguntas no computador.

O exame continuará sendo dividido em quatro áreas com questões objetivas e a redação. A dificuldade das questões também será a mesma, uma vez que ainda será aplicada a metodologia TRI (Teoria de Resposta ao Item).

Porém, a proposta envolve reduzir a quantidade de questões para 23 por área. Além disso, para seguir o novo formato do ensino médio, o exame poderá ser desenvolvido de acordo com o itinerário formativo escolhido pelo aluno. A intenção é que, no ato da inscrição, ele escolha sua prova conforme o roteiro que cursou.

Depois de implementado o Enem virtual, a intenção é que o candidato possa escolher o dia em que fará o exame. Sendo assim, não haverá mais uma data engessada com apenas dois finais de semana, mas diversas aplicações da avaliação ao longo do ano.

Outra novidade é o fato de que o candidato pode fazer o exame quantas vezes desejar. Assim, se ele não estiver satisfeito com a nota que alcançou na primeira realização, pode refazer as provas até que julgue ter obtido um bom desempenho.

Porém, é importante saber que as provas serão diferentes para cada candidato. Isso porque o banco de questões está sendo ampliado justamente com o intuito de evitar que os participantes recebam provas iguais. Assim, a prova seguinte terá perguntas diferentes daquela que já foi realizada, mas com grau de dificuldade similar.

Nesse primeiro momento, para participar do Enem Digital 2020, basta optar por ele no ato da inscrição, caso esteja disponível na região onde você mora. Qualquer pessoa que atenda aos requisitos do Enem pode realizar a versão virtual dele.

Em quais regiões o Enem Digital estará disponível?

Conforme explicamos, o Enem digital 2020 será aplicado como um projeto piloto. Sendo assim, apenas 50 mil candidatos poderão participar desse teste, que vai acontecer em 15 capitais brasileiras, sendo:

  • Brasília;
  • São Paulo;
  • Rio de Janeiro;
  • Belo Horizonte;
  • Curitiba;
  • Florianópolis;
  • Cuiabá;
  • Campo Grande;
  • Belém;
  • Porto Alegre;
  • Manaus;
  • Recife;
  • Salvador;
  • Goiânia;
  • João Pessoa.

Nos próximos anos, ele será expandido para mais cidades brasileiras, permitindo que outros candidatos possam optar por esse formato. Mas é interessante escolhê-lo apenas se estiver sendo ofertado perto da sua residência, a fim de viabilizar a realização do exame. Afinal, continua sendo necessário comparecer ao local da prova.

Quais são as datas das provas do Enem Digital 2020?

Esse novo formato do Enem continua tendo a mesma validade do tradicional. Isso significa que você vai continuar podendo utilizar a nota para ingressar em universidades federais, estaduais e instituições particulares, substituindo o vestibular. Também continuará sendo utilizado para obtenção de financiamentos estudantis e de bolsas de estudos.

Lembre-se de que é necessário ter atenção com os prazos para realizar a sua inscrição. Em 2020, as datas de aplicação do Enem Digital serão posteriores às provas tradicionais. Ele está agendado para os dias 31 de janeiro e 07 de fevereiro de 2021, enquanto os demais candidatos realizarão o exame impresso nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021.

Um fato interessante desse novo formato é a divulgação do resultado do Enem. Isso porque o formato digital da prova permite que o candidato tenha uma prévia de como foi o seu desempenho nas provas, mas os resultados gerais continuaram sendo divulgados em janeiro, pelo menos nesse primeiro momento.

Como se inscrever para o Enem Digital 2020?

Agora que você já entendeu a nova proposta do exame nacional, talvez esteja se perguntando como se inscrever para o Enem Digital e participar da implementação do projeto. Conforme explicamos, essa é uma opção que você deve escolher no ato da inscrição.

Se a sua região contar com os polos de aplicação do Enem virtual, basta manifestar o desejo de realizar as provas pelo computador. Lembrando que continuam sendo necessários a apresentação de documentos e dados pessoais e o pagamento da taxa de inscrição. Porém, estudantes da rede pública de ensino estão isentos dela.

Por isso, antes, você precisa informar-se sobre onde o Enem Digital estará disponível, mesmo que você more em uma das capitais participantes. Talvez o local de aplicação da prova seja muito distante da sua residência, dificultando a sua logística no dia da realização do exame.

Mas não se preocupe se você não puder participar agora, pois, como comentamos, o projeto visa tornar o Enem 100% digital até 2026. Então, no ano seguinte e nos demais haverá outras aplicações da prova pela internet para você fazer a sua inscrição.

Não se esqueça de que continua sendo fundamental se preparar para ter um bom desempenho. Como dito, a dificuldade das questões será a mesma, porém, com os itinerários formativos, você pode elaborar o seu roteiro de estudo de uma forma mais eficaz, principalmente com o suporte do Trilha do Enem. Nele você testa seus conhecimentos e recebe um plano de estudo específico para suas necessidades, aumentando suas chances de aprovação.

O Enem Digital 2020 é o primeiro passo da mudança na forma como o exame será aplicado. As provas serão mais interativas e com novas oportunidades para os candidatos. Por isso, é uma novidade muito promissora que veio modernizar um pouco mais o ingresso no ensino superior, aumentando as chances de conseguir uma vaga.

Explicamos que, para realizar o Enem Digital, você precisa estar bem preparado. Então, veja neste outro artigo quais são os temas mais cobrados na prova para montar o seu roteiro de estudos.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 5

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instituições Participantes do Vestibulares

O Vestibulares traz informações sobre os processos seletivos de sete instituições pelo Brasil: