O que é Criminologia e como atuar na área?

criminologia

Você já ouviu falar em Criminologia? Bem, como o nome sugere, é uma ciência focada em estudar crimes, incluindo causas, leis aplicadas e métodos de prevenção. Trata-se de uma profissão de muita responsabilidade, mas que pode render uma carreira brilhante!

Mas você sabia que a Criminologia vai muito além de investigação policial? Pois é, para mostrar quais são as possibilidades de atuação e o que é preciso fazer para ser um criminologista, elaboramos este artigo. Acompanhe as próximas linhas!

O que estuda a área de Criminologia?

Pertencente à área da Sociologia, o objetivo da Criminologia é entender a criminalidade a partir do contexto que leva uma pessoa ou grupo a cometer um crime, qual a relação entre esse crime e a sociedade, a característica de personalidade do criminoso e das vítimas, entre outros pontos.

A partir a análise de um conjunto de conhecimentos sobre os eventos que envolvem um crime, é possível traçar ações com o propósito de coibir essas práticas, como modificar as leis, aumentar a segurança da comunidade e traçar políticas educativas. Além disso, é possível prever ciclos de crimes ou comportamento criminosos, o que ajuda não só nas linhas de investigação, como também na prevenção de novos atos.

A ideia geral é fomentar uma sociedade mais saudável, socialmente equilibrada e pacífica. Logo, a Criminologia é uma ciência interdisciplinar, ou seja, inclui várias outras áreas, como Biologia, Estatística, Psicologia, Psiquiatria, Economia e Antropologia.

Quando surgiu a Criminologia?

A Criminologia surgiu na segunda metade do século XIX. Esse termo foi utilizado pela primeira vez em 1880 pelo médico e antropólogo francês Paul Topinard. Anos depois, em 1885, jurista italiano Raffaele Garofalo criou a obra “Criminologia”.

Porém, antes disso, surgiram os primeiros trabalhos na área. Há um registro de 1876 obra do médico e cientista italiano Cesare Lombroso, “Frenologia – O Homem Delinquente”.

Desde então, a área foi se desenvolvendo e ganhou muito espaço nas faculdades de Direito e Psicologia, e especializações, como a Medicina Legal e o Direito Penal. Hoje, porém, até mesmo as grandes organizações contam com o trabalho de um criminologista ― você entenderá para que logo em seguida.

👉 Vai prestar o vestibular de Psicologia? Veja aqui como conquistar a aprovação!

Quais são os principais cargos em Criminologia?

Ao se formar em Criminologia, você tem muitas oportunidades de trabalho. Veja alguns setores nos quais poderá trabalhar:

  • órgãos dos governos municipal, estadual e federal;
  • serviço policial e prisional;
  • setor judiciário;
  • segurança pública;
  • conselhos consultivos de política;
  • organizações de apoio a jovens infratores, vítimas de crimes ou na reabilitação de usuários de drogas;
  • serviços de assistência social.

Dentro de cada um desses setores há uma série de cargos, como os que mostraremos abaixo. Confira!

Área criminal

A área criminal é, sem dúvida, a primeira referência que temos sobre Criminologia. Envolve vários cargos, principalmente investigativos: detetives, investigadores, policiais, oficiais de justiça etc.

Basicamente, o criminologista vai atuar no departamento de segurança pública, colaborando diretamente com a esfera criminal. Algumas de suas tarefas incluem coletar informações e evidências de cenas de crimes, participar de buscas e apreensões, prender suspeitos e criar relatórios detalhados e casos para processos judiciais.

Agente penitenciário

Aqui, profissionais com especialização ou Bacharelado em Criminologia podem atuar dentro das prisões, a fim de ajudar na reabilitação de infratores que sejam encarcerados ou cumprindo pena em liberdade condicional. Aí estão agentes penitenciários, psicólogos, médicos, educadores, entre outros.

Analista de Inteligência Criminal e Segurança Cibernética

Os analistas de Inteligência Criminal são responsáveis ​​por usar os dados para rastrear tendências e prevenir crimes. São ligados especialmente aos serviços de inteligência. A função principal é vasculhar sistemas, coletando e analisando dados e, em seguida, apresentando suas descobertas. É uma área muito ligada à Polícia Federal.

Aí, também se encaixam os analistas de Segurança Cibernética. Sua função é investigar crimes cibernéticos, proteger redes e sistemas de computadores de uma organização.

Por isso, se você tem formação Tecnologia da Informação, pode complementar sua formação com uma faculdade de Criminologia.

Recursos Humanos

Criminologia não é uma área que se limita ao campo criminal. Um criminologista também pode atuar no meio corporativo, em conjunto com o RH e o setor de Psicologia Empresarial.

Aqui, o profissional trabalha em processos seletivos para grandes cargos que envolvem tomada de decisões estratégicas. Sua principal responsabilidade é observar se os candidatos têm um perfil de credibilidade e boa índole.

Teste Vocacional Rápido

👉 Por falar em RH, você sabe cursos na área de Recursos Humanos? Descubra aqui!

Auditor

Ainda no campo corporativo, o criminologista pode trabalhar no setor de Auditoria, que analisa atividades desenvolvida na empresa. O objetivo é averiguar a contabilidade, os dados e se as transações financeiras estão de acordo com o padrão e que não está ocorrendo desvios.

Desenvolvedor urbano

Trabalha no setor da administração pública para estudos de desenvolvimento urbano, como construção de comunidades, revitalização de áreas degradadas, uso de espaço público. Para isso, ele pode combinar a formação com outras áreas, como Economia, Arquitetura e Ciência Política.

Jornalista investigativo

Os jornalistas investigativos realizam especialmente coberturas e grandes reportagens, que ajudam a descobrir fatos e ligar os pontos de crimes enquanto conduzem e relatam suas pesquisas. Neste caso, é importante ter formação em Jornalismo e segunda graduação ou especialização em Criminologia.

Quais são as faixas salariais para esse segmento?

Os salários para criminologistas são bastante atraentes e variam conforme os cargos. Para que você tenha uma ideia, separamos algumas faixas salariais aqui:

Como é o curso de Criminologia?

Agora, que você conhece a profissão, vamos ver como funciona o bacharelado em Criminologia.

Objetivo

O programa pedagógico da faculdade de Criminologia visa que você compreenda a ciência criminológica e todos os fenômenos sociais, psicológicos, legislativos e investigativos que ela envolve.

Para isso, o curso traz várias situações-problema que simulam a realidade do trabalho em suas diversas áreas. Algumas disciplinas são:

  • Análise Criminal e Tecnologia Forense;
  • Criminalística, Segurança Pública e Privada;
  • Direito Penal;
  • Direitos Humanos e Cidadania;
  • Negociação e Gestão de Conflitos de Segurança;
  • Organizações Criminosas e Criminalidade;
  • Psicologia Social;
  • Psicopatologia e Crime;
  • Sociologia Criminal.

Modalidade e duração

Se você deseja ter flexibilidade nos estudos, pode optar pelo ensino a distância (EAD). Os programas das faculdades participantes do Vestibulares duram 5 semestres.

Onde estudar?

Um dos melhores programas de ensino é o curso de Criminologia na Anhanguera. O curso acontece em um ambiente digital moderno, com aulas ao vivo e conteúdos especiais em diversos formatos para você ter as melhores experiências nos estudos.

O curso foca o protagonismo do aluno e seu corpo docente é altamente preparado e vai ajudar você em cada etapa da graduação. Além disso, pensando em facilitar seu ingresso no mercado de trabalho você participa de várias ações de desenvolvimento de carreira e tem acesso exclusivo ao portal de estágios e vagas Canal Conecta.

Outras faculdades: você também encontra o Bacharelado em Criminologia na Unopar, na Unic, na FAMA, na Uniderp e na Pitágoras.

Por que cursar o Bacharelado em Criminologia?

Como você viu, essa é uma área instigante e que possibilita estabilidade financeira e ascensão profissional. Se você tem um perfil investigativo, fazer a faculdade de Criminologia pode aumentar muito as chances de obter sucesso em sua profissão, com bons salários, credibilidade profissional e estabilidade! Veja uma lista de vantagens de ser um criminologista:

  • ocupar cargos de confiança no serviço público e privado;
  • ajudar a transformar a sociedade em um espaço mais seguro;
  • ajudar pessoas vulneráveis;
  • sentir a adrenalina de uma investigação;
  • participar de ações de inteligência;
  • ter uma rotina de trabalho dinâmica.

Invista no seu futuro!

Gostou de saber mais a respeito da Criminologia? Como você pôde perceber, não faltam oportunidades no mercado para quem curte essa área tão interessante. Para disputar as melhores vagas, invista em uma educação de qualidade que coloque diferenciais em seu currículo!

Se você adora essa área e quer trabalhar com isso, faça a sua inscrição no vestibular online Anhanguera e comece a estudar já!

*Sujeito a alterações

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.