Citações na redação: quais e quando usá-las?

citações na redação

Citações na redação são transcrições de frases e ideias de outras pessoas no texto. Elas ajudam a embasar seu ponto de vista e esclarecer exemplos, o que torna o texto didático e persuasivo para o leitor. Existem dois tipos de citações: diretas e indiretas.

Se você está na fase de preparação para o vestibular, deve saber que a redação é uma nota importante para garantir a sua aprovação, independentemente do curso superior escolhido. Entre as estratégias para conseguir uma boa avaliação nesse requisito, as citações na redação merecem uma atenção especial.

Não há nenhuma regra que diga que é obrigatório usar citações na redação do Enem e de outros vestibulares. Mas também não podemos negar que esse tipo de recurso dá mais credibilidade e enriquece o seu texto, da mesma forma que acontece com o bom uso de regras gramaticais e a estruturação correta em início, meio e fim.

Sabendo da importância dessa estratégia, vamos explicamos aqui em baixo como funcionam os dois tipos de citação (direta e indireta), quando usá-los e como você pode encontrar ou formular suas próprias citações. Acompanhe e tire suas dúvidas!

Quais são os tipos de citações?

A citação na redação do vestibular é uma forma de trazer para o seu texto uma ideia ou a frase literal de uma pessoa com autoridade no tema. Por exemplo, se o assunto da redação é educação, é comum que os candidatos apresentem citações de Paulo Freire, o patrono da educação brasileira.

Os professores costumam ensinar o uso da citação como uma ótima maneira de fugir do senso comum. Então, veja como funcionam seus dois tipos logo abaixo.

Citações diretas

Para usar citações diretas, você precisa escrever as palavras do autor exatamente da maneira como elas foram ditas ou escritas, além de utilizar as aspas (“”) antes e depois da citação. Alguns exemplos:

  • No livro “Pedagogia do Oprimido”, Paulo Freire reforça que a consciência crítica do aluno “emerge da educação como uma prática de liberdade”.
  • Como diria Rousseau, no livro “O Contrato Social”, “o homem nasce livre, mas em toda parte encontra-se acorrentado”.
  • O tema da participação política pode ser visto em diversas expressões artísticas. O Gabriel O Pensador, na canção “Até Quando?”, canta que “quando a gente muda, o mundo muda com a gente. A gente muda o mundo na mudança da mente”.

Além de citar a escrita ou a fala literal e entre as aspas, é importante que você indique o autor e a fonte correta da citação direta. Outro detalhe é que o ponto final (.) com o uso das aspas:

  • citação iniciando e encerrando a frase — ponto final antes das aspas;
  • citação não iniciando, mas encerrando a frase — ponto final depois das aspas.

É preciso ter atenção, pois errar em algumas dessas regras secundárias pode prejudicar a credibilidade do seu texto, mesmo se a citação estiver sido escrita corretamente.

Citações indiretas

Já as citações indiretas são feitas por paráfrases: a ideia ou a frase escrita nas suas próprias palavras, sem a necessidade de colocar as aspas. Da mesma forma como acontece nas citações diretas, é preciso indicar a autoria e a fonte correta da citação.

Teste Vocacional Rápido
banner calculadora bolsa enem

Nesse caso, a citação é a sua interpretação daquilo que foi dito ou escrito. Lembra dos exemplos que usamos logo acima? Vamos ver como eles poderiam ficar como citações indiretas:

  • No livro “Pedagogia do Oprimido”, Paulo Freire explica que a educação entendida como uma prática libertadora é indispensável para que alunos interpretem de maneira crítica suas realidades sociais.
  • O filósofo Rousseau, no livro “O Contrato Social”, explica que as pessoas nascem com a consciência livre para fazer diferentes escolhas, mas é a realidade que molda as suas decisões ao longo da vida.
  • Nos versos da canção “Até Quando?”, do Gabriel O Pensador, fica clara a importância da iniciativa de compartilhar boas ações que mudam a opinião das pessoas e, aos poucos, podem ser capazes de contribuir para grandes mudanças na sociedade.

Por que e quando usar as citações na redação?

Além de enriquecer e embasar seu ponto de vista na hora de redigir um texto dissertativo-argumentativo, essa estratégia mostra que você tem um bom repertório cultural. A citação contribui para aumentar sua nota nas competências 2, 3 e 4 da redação — vale lembrar que são 5 as competências do Enem:

  • competência 2 compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
  • competência 3 — selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
  • competência 4 — demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Não existe nenhuma norma sobre onde as citações devem estar localizadas no texto. Elas podem ser usadas tanto na introdução quanto no desenvolvimento e na conclusão. Em cada uma dessas partes, as citações tem finalidades diferentes.

No começo da redação, as citações servem para ajudar na contextualização do tema. No desenvolvimento, servem para embasar algum de seus argumentos. Na conclusão, servem para ajudar na elaboração da proposta de intervenção.

Como encontrar boas citações para a redação?

Também não existe regras sobre de onde as citações podem ser retiradas. Como elas servem para avaliar o repertório cultural do candidato e a sua capacidade de relacionar ideias, as fontes podem ser as mais variadas. Apenas é importante escolher as citações para redação por tema, e isso vale para a redação do Enem e de outros vestibulares.

Veja alguns exemplos:

  • trechos de filmes e documentários;
  • leis da Constituição Federal, da Declaração dos Direitos Humanos ou de outras legislações oficiais do país;
  • frases de grandes personalidades;
  • livros;
  • músicas;
  • dados estatísticos.

Para encontrar boas citações para sua redação, lembre-se de saber exatamente qual é a fonte e a autoria de cada uma, ok? Talvez um curso de redação online possa ser o que você ainda precisa para aplicar essa e outras estratégias de redação.

O mais importante é usar frases do seu repertório cultural e que você se acostume a usá-las ao longo da sua preparação para o vestibular. Fazendo isso, ficará mais fácil usar as melhores ao descobrir o tema da redação na hora H.

Dê o próximo passo!

Esperamos que as dicas que trouxemos aqui ajudem você a usar citações na redação. Vimos que essa estratégia pode ajudar a fundamentar a sua tese e deixar os seus argumentos mais convincentes. Então, acostume-se a usar citações com as quais você tem mais familiaridade para conseguir alcançar uma nota excelente no momento da prova.

Gostou das dicas? Se você quer dominar as melhores técnicas para redação do Enem e de outros vestibulares, baixe agora o e-book Redação para o Enem e os vestibulares: leia e arrase na redação! Corra, é grátis!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.3 / 5. Número de votos: 43

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

prouni, crédito estudantil, fies ou bolsa privada

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.