Bolsa de estudos no exterior: como conseguir?

estudantes no exterior

Fazer um curso de graduação é uma excelente forma de se posicionar no mercado de trabalho. O profissional que investe em conhecimentos, qualquer que seja a forma, ganha a atenção das empresas e toma a dianteira nos processos seletivos. Imagine só o quanto um intercâmbio pode somar nesse sentido!

Por mais que alguns estudantes já descartem essa possibilidade pelo receio da burocracia e dos cursos, saiba que é possível conseguir bolsa de estudos no exterior. Para isso, existem alguns passos e pré-requisitos para cumprir antes de comemorar a conquista do objetivo e colocar a prática no currículo.

Tendo em vista que a experiência do intercâmbio é um grande marco para o estudante, você já deve estar curioso para saber como estudar no exterior com desconto ou até de graça, certo? Veja as dicas que listamos a seguir!

Pesquise sobre os programas disponíveis

Com a globalização, ficou bem mais fácil o relacionamento entre países, o que impulsionou os programas de bolsas de estudo no exterior. Inclusive, é de interesse de muitas faculdades brasileiras ter seus alunos se destacando em terras estrangeiras, levando tanto o nome do país quanto da instituição para fora.

Entre as principais opções, existe o sistema de bolsas CAPES. Com objetivo de fomentar a pesquisa e trazer retornos científicos para o país, há oportunidades até fora do país, em modalidades como:

  • Graduação Plena ou Sanduíche;
  • Mestrado Sanduíche, Profissional ou Pleno;
  • Doutorado Sanduíche ou Pleno;
  • Capacitação;
  • Professor visitante no exterior.

O valor dos benefícios da bolsa e os requisitos para conseguir cada uma delas varia de acordo com a instituição de ensino ofertante. Há também as bolsas de estudos que as próprias faculdades estrangeiras organizam para atrair estudantes de diferentes países.

Vale lembrar que, em alguns cursos, fica mais fácil conseguir bolsa na faculdade do exterior por causa da área de atuação. Um bom exemplo disso é o Comércio Exterior.

Preste atenção aos detalhes e às exigências

Assim como as bolsas de estudo do Governo, existem algumas exigências para ficar de olho e, com isso, evitar qualquer desclassificação por desatenção. Entre os principais requisitos, tenha em mente que o seu bom desempenho na faculdade faz toda a diferença, assim como a participação em atividades que vão além da sala de aula.

Também é bom ficar atento aos detalhes de cada bolsa. Algumas oferecem um valor somente para pagar o ensino no outro país, enquanto outras já cobrem todos os custos da experiência. Veja qual deles cabe no seu orçamento, até mesmo para poder se preparar melhor antes de arriscar.

Por fim, questões financeiras também contam bastante em alguns tipos de bolsa. Se a opção em que tem interesse é uma delas, verifique se você se encaixa nessas exigências antes de criar expectativas, certo? E nem pense em deixar para separar documentos para última hora. Imprevistos acontecem e podem atrapalhar os seus planos.

Invista no aprendizado de idiomas

Escolhido o programa de bolsa para estudar no exterior de graça ou com desconto e preenchendo todas as exigências, é hora de pensar na língua. A não ser que você opte por um país em que se fale o Português, a exemplo de Portugal, esse vai ser um desafio com o qual se preocupar durante a sua experiência.

Estar sozinho em uma nação diferente da sua exige coragem e jogo de cintura. Para não ficar perdido no idioma e conseguir aproveitar ao máximo cada oportunidade no exterior, já invista nos estudos antes mesmo de embarcar para outro país. Vale desenvolver a pronúncia e a compreensão das palavras com músicas, podcasts, séries, filmes e tudo que você julgar interessante.

Por falar nisso, existem diversas opções de podcasts para estudar inglês e outros idiomas. Você pode encontrá-los nas principais plataformas de streaming. O mesmo vale para os outros conteúdos.

Inscreva-se em todos os programas de interesse

Quando você está em busca de como conseguir um emprego, seleciona as oportunidades que combinam com seu perfil e envia diversos cadastros para chamar a atenção de alguma empresa, certo? Com as bolsas de estudos deve acontecer o mesmo. Quanto mais tentativas fizer, maiores são as chances de alcançar boas respostas.

Porém, assim como no caso dos empregos, pense bem antes de definir cada opção. Escolha aquelas em que seu perfil realmente se encaixa, bem como as quais você atenda às exigências. Assim, evita frustrações e poupa um tempo que pode dedicar ao que realmente importa nesse momento, não acha?

Mostre sua dedicação nas cartas de motivação

Pense na carta de motivação como o seu currículo, só que recheado com informações mais pessoais. É com esse documento que os avaliadores vão conhecer quem você é e os motivos que o direcionam ao estudo no exterior. Fale de seus objetivos com essa oportunidade, suas preocupações e, acima de tudo, mostre sua personalidade.

Preencher a carta só com conquistas acadêmicas pode até ser interessante, mas lembre-se de que isso já consta na sua ficha acadêmica. Aproveite o espaço para ser mais pessoal, trabalhar a persuasão e convencer que você é a pessoa mais indicada para receber essa bolsa de estudos. Nada de enrolar, fingir ser quem não é ou deixar para fazê-la na última hora, combinado?

Mantenha o foco e a persistência em alta

Por fim, uma das habilidades mais importantes que você pode desenvolver é a persistência. Ela é essencial para qualquer momento em sua vida, principalmente naqueles em que as conquistas não vêm fáceis. Muitos estudantes vão tentar bolsas de estudos no exterior –– tenha em mente que a concorrência é acirrada.

Por isso, se não der certo na primeira tentativa, mantenha a motivação. Por mais que seja trabalhoso preencher tantos formulários, correr atrás de documentos e elaborar cartas de motivação (ainda mais em outro idioma) esse é um passo importante para alcançar seu objetivo. Pense que, quando receber a aprovação, poderá aproveitar cada momento dessa vivência fora do país.

Uma experiência de intercâmbio é única e cheia de valor para uma pessoa –– seja para ampliar seus conhecimentos profissionais, seja para desenvolver habilidades como autonomia e responsabilidade. Por isso, se essa é a sua vontade, invista em tudo que for necessário para conquistar uma bolsa de estudos no exterior. Se possível, conte com o apoio de uma faculdade que se preocupa com sua formação.

Quer dar esse passo rumo ao sonho do intercâmbio? Venha estudar em uma de nossas faculdades! Veja a opção que oferece o seu curso de interesse e faça a inscrição na página do Vestibulares!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instituições Participantes do Vestibulares

O Vestibulares traz informações sobre os processos seletivos de sete instituições pelo Brasil: