Qual é o salário de um formado em Engenharia Mecânica?

engenharia mecânica salário

Quando chega o momento de decidir qual graduação fazer, é comum bater aquela dúvida, não é mesmo? Afinal, existem tantas opções que fica até difícil optar por uma. Muitas pessoas se identificam com as Engenharias, já que oferecem um mercado de trabalho amplo, a possibilidade de crescer com o tempo e remunerações altas.

Quem gosta de tecnologias aplicadas a máquinas e uma área com diferentes atuações, pode ter interesse na Engenharia Mecânica. O trabalho do profissional é fundamental para o funcionamento correto das indústrias e outras instituições, como a bancária. Mas, afinal, qual é o salário de Engenharia Mecânica? Essa especialidade conta com um excelente reconhecimento e um mercado bastante aquecido.

Se você deseja saber qual é o salário de um engenheiro mecânico e quais são as suas áreas de atuação, não perca o nosso post, pois falaremos sobre isso por aqui. Boa leitura!

Quanto ganha um engenheiro mecânico?

A Mecânica está entre as Engenharias mais bem-pagas. Isso porque os profissionais são responsáveis por desenvolver e projetar máquinas, além de cuidar da manutenção. A média salarial de Engenharia Mecânica é de R$ 8.338,15* para uma jornada de trabalho de 42 horas semanais — nada mal, não é?

No entanto, o salário do profissional depende da sua experiência, da área de atuação, da região em que atua e de outros fatores. A remuneração média desse engenheiro nas principais cidades do país é:

  • Belo Horizonte — R$ 10.085,58*;
  • Rio de Janeiro — R$ 10.646,20*;
  • São Paulo — R$ 9.330,60*;
  • Porto Alegre — R$ 7.971,78*;
  • São Luís — R$ 8.934,19*;
  • Guarulhos — R$ 13.679,66*;
  • Brasília — R$ 8.055,49*.

Por contar com ótimos salários e ter diversos ramos de atuação, a Engenharia Mecânica é uma das graduações mais procuradas no vestibular e, por causa da alta concorrência, é fundamental estudar bastante e se manter sempre atualizado.

Quais são as áreas mais valorizadas?

Sabemos que não se deve escolher a profissão pelo salário apenas, né? Outros pontos devem ser levados em conta, e um deles é sobre as áreas de atuação. A Engenharia Mecânica apresenta muitos ramos, e os profissionais podem escolher aquele com que mais se identificam para trabalhar. Confira, a seguir, as principais especialidades.

Indústria Petroquímica

Nessa área, os engenheiros lidam com os produtos petroquímicos, desde a distribuição até o refino. Com uma especialização direcionada a esse ramo, eles podem ser responsáveis por perfurar poços de petróleo e por desenvolver tratamentos adequados para esse combustível. O mercado nessa área é muito aquecido, e a média salarial é de R$ 4.401,47*.

Manutenção

A área da manutenção é uma das que mais exigem horas de trabalho do profissional. Isso acontece porque os sistemas mecânicos e as máquinas podem parar em qualquer momento (fins de semana, madrugada, feriado etc.).

Nesse caso, o engenheiro mecânico é responsável pela identificação das causas de falha de máquinas e ainda participa da elaboração de planos de manutenção. O salário médio do profissional é de R$ 8.326,00*.

Indústria Automobilística

Aqui, o engenheiro mecânico trabalha com todos os processos que envolvem veículos, como caminhões, motos e carros. Da manutenção até a produção de peças, o profissional é muito importante para que nenhum motorista tenha dificuldade para rodar na estrada ou na cidade. A média salarial dessa profissão é de R$ 7.524,08*.

Indústria Metalúrgica

Nessa área, o profissional desenvolve melhor a sua habilidade de liderança, mesmo que não assuma uma carreira em Gestão. Na indústria metalúrgica, o engenheiro mecânico administra suprimentos, realiza projetos e assim por diante. A média salarial para essa profissão é de R$ 8.110,02*.

Indústria Energética

De maneira geral, a preocupação em encontrar alternativas energéticas sustentáveis cresce cada vez mais. Isso abre uma perspectiva muito interessante para o engenheiro mecânico, que pode supervisionar os projetos de energia renovável, desde a definição de sua estrutura organizacional até a sua construção.

Na produção de energia sustentáveis, o profissional é uma peça-chave no desenvolvimento de equipamentos. Como essa área está em franco crescimento, os salários podem passar dos R$ 15 mil**.

Bancos

Uma característica predominante dos cursos de Engenharia é a sua ligação com a área de Exatas. Um engenheiro mecânico deve ser preciso no momento de realizar cálculos, bem como na capacidade de sintetizar conclusões e analisar contextos.

Isso o coloca na mira de várias instituições financeiras, como os bancos, para exercer a função de analista de crédito. A média salarial é de R$ 2.655,42*.

Setor Público

Os engenheiros mecânicos também podem prestar concurso para atuar no setor público — em qualquer uma das esferas: federal, regional ou municipal. Entre as suas principais atividades estão a fiscalização de projetos ou a supervisão de obras.

Fabricação

Esse ramo tem como foco os processos de fabricação de peças e máquinas. O conhecimento das várias técnicas de fabricação é essencial para qualquer engenheiro mecânico, independentemente de atuar ou não na área.

Alguns processos como extrusão, trefilação, laminação, prensagem, soldagem e usinagem são muito comuns para esse profissional. Por isso, esses conhecimentos devem estar bem-sedimentados na mente desses engenheiros.

Térmica

A área térmica é bastante vasta, tendo muitas aplicações diferentes. Nesse ramo, estão incluídas a Transferência de Calor e a Termodinâmica. É aqui que entra a construção de bombas de calor, sistemas de refrigeração, turbinas, motores, entre outras. A busca por eficiência é constante e o engenheiro mecânico deve sempre se preocupar com a questão da emissão de poluentes.

Como garantir as melhores vagas?

Para garantir as melhores vagas do mercado e conquistar bons salários, é muito importante estudar em uma instituição de ensino de qualidade. Portanto, opte por uma faculdade que valorize o seu aprendizado, que tenha bons professores e ótima infraestrutura.

Também é fundamental levar em consideração outros pontos, como formas de ingresso facilitadas, laboratórios modernos para a realização das aulas práticas e opções de bolsas de estudo e desconto nas mensalidades.

Tudo isso pode ser encontrado nas faculdades parceiras dos Vestibulares! Ao estudar com a gente, você se formará em instituições reconhecidas no mercado e terá acesso a outros diferenciais, como o Canal Conecta, um portal exclusivo para a busca de vagas de estágio e emprego, que faz a conexão entre você e as melhores empresas da região.

A hora é agora!

Agora que você já sabe qual é o salário de Engenharia Mecânica, lembre-se de pesquisar mais sobre o curso para ficar por dentro de todas as suas características. O futuro do mercado de trabalho dessa área é muito promissor, as empresas estão em busca de pessoas qualificadas —, e você tem uma grande chance de se destacar ao estudar em uma faculdade de qualidade, que preza a inserção dos seus alunos no mercado.

Tomou sua decisão de cursar Engenharia Mecânica? Então, inscreva-se no vestibular online de uma das nossas faculdades parceiras e corra atrás dessas oportunidades!

*Sujeito a alterações.

** Exame

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

prouni, crédito estudantil, fies ou bolsa privada

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Instituições Participantes do Vestibulares

O Vestibulares traz informações sobre os processos seletivos de sete instituições pelo Brasil: