Não passei no Prouni, e agora? Mostramos outras opções!

não passei no prouni

“Não passei no Prouni” é uma frase que dificilmente um estudante gosta de pensar, repetir e tampouco admitir na hora de ver o resultado do Programa Universidade para Todos, mas, infelizmente, às vezes isso acontece. No entanto, saiba que você não precisa desistir ou se conformar em esperar mais um ano para tentar a sonhada vaga no ensino superior, ok?

Isso porque você pode até não ter alcançado a nota de corte no Prouni; todavia, em outros processos seletivos ou instituições que concedem bolsas para faculdades, a história poderá ser diferente.

Quer saber em quais? Separamos três dessas formas alternativas de conseguir uma bolsa para a graduação. Elas estão a seguir, logo após falarmos um pouco mais sobre o Prouni. Continue lendo!

Quais são as exigências do Prouni?

O Prouni tem diferentes exigências para a concessão das bolsas integrais (100%) e das bolsas parciais (50%). Uma delas é o resultado do Enem, isto é, a pontuação obtida no exame mais recente. Nesse caso, o estudante precisa ter alcançado pelo menos 450 pontos de média nas quatro provas e não pode ter zerado a nota da redação.

A nota do Enem no Prouni, ou melhor, a média das quatro provas e da redação serve para classificar os candidatos interessados nas bolsas integrais e parciais, dentro dos cursos que escolheram e conforme as bolsas existentes. Conseguem a aprovação no Prouni aqueles com as maiores notas e que atendem plenamente aos demais critérios do programa, como:

  • ter cursado o ensino médio completo na rede pública ou como bolsista integral na rede privada;
  • atestar renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio, por pessoa, no caso das bolsas integrais. Para quem deseja concorrer a bolsas parciais (de 50%), é preciso comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até três salários mínimos;
  • não ter diploma de curso superior.

Também podem tentar o Prouni os estudantes com deficiência e os professores da rede pública de ensino que estejam no efetivo exercício do magistério da educação básica e sejam membros de quadro de pessoal permanente de instituição pública. Nesse caso dos professores, não é necessário comprovar renda.

Sendo assim, a reprovação no Prouni, ou melhor, a não obtenção da bolsa pode ocorrer não só pela classificação com base nas notas do Enem, mas devido ao candidato não atender a um ou mais dos outros requisitos do programa. Portanto, nem sempre é culpa da sua pontuação, ok?

Quais são as 3 alternativas de bolsa para a faculdade?

Existem muitas alternativas para o Prouni que podem atender não só os estudantes que se enquadram nos requisitos acima, como outros que não se enquadram. Quer saber quais são?

1. Bolsas institucionais

Existem muitas universidades que concedem bolsas próprias aos seus alunos. O critério para concorrer a elas pode variar de instituição para instituição, porém costumam envolver:

  • fatores sociais;
  • obtenção de uma boa classificação nos vestibulares dessas instituições de ensino ou, ainda, acerto de uma porcentagem mínima de questões nesses exames;
  • obtenção de uma boa nota no Enem.

Para aumentar as suas chances de conquistar uma bolsa desse tipo, não deixe de prestar esses vestibulares e tampouco deixe de se preparar para se sair bem nas provas!

2. Bolsas oferecidas por empresas por meio de convênio

Se você já está no mercado de trabalho, confira se a empresa em que trabalha oferece bolsas em instituições de ensino superior. Muitas faculdades fecham convênios com organizações, as quais podem oferecer bolsas parciais ou até integrais como benefícios a seus funcionários. O legal é que você poderá estudar dentro da área em que atua, unindo teoria e prática!

A mesma dica vale para quem não atua em uma empresa que oferece esse benefício, ou tampouco está no mercado de trabalho, mas tem alguém da família que o faz. Isso porque alguns convênios firmados entre empresas e faculdades estende a concessão de bolsas ou descontos para familiares, como cônjuges e filhos, dos funcionários dessas organizações.

3. Vestibulares e Bolsa Incentivo

As instituições de ensino que participam do site Vestibulares também oferecem bolsas por meio do programa Bolsa Incentivo. As bolsas ofertadas são voltadas a pessoas que, no momento, têm dificuldades para começar um curso superior.

Para participar, ao se inscrever no vestibular de uma dessas instituições, é preciso solicitar a opção de Bolsa Incentivo. Além disso, é necessário atender aos requisitos definidos pela faculdade, como estar em dificuldades financeiras.

Outro ponto interessante é que muitas dessas universidades oferecem outros tipos de bolsas de estudo, que podem variar conforme campanhas internas. Inclusive, há bolsa que pode ser obtida em conjunto com a Bolsa Incentivo, gerando um desconto cumulativo e, portanto, maior por determinado período. Para ter acesso, entre em contato com essas universidades para saber mais sobre as suas campanhas e bolsas oferecidas!

Qual é a diferença entre bolsa e financiamento estudantil?

Uma bolsa concede um desconto parcial ou integral no valor do curso, ou seja, você pode conseguir cursar uma graduação de graça ou pagando menos do que pagaria se não tivesse a bolsa.

Por outro lado, no financiamento estudantil, o aluno ainda precisará pagar pelo curso, o que pode ser feito durante a graduação ou após o término da faculdade. Nesse segundo caso, ele paga apenas uma parte do valor, e o restante fica para depois de concluí-la. Vale destacar que os juros do financiamento costumam ser menores do que em outras modalidades de crédito. Entendeu a diferença agora? É bem simples!

Vale destacar que, no Brasil, temos vários exemplos de financiamento estudantil, como o Novo FIES e o Parcelamento Estudantil Privado (PEP). Dê uma pesquisada neles que você poderá encontrar boas alternativas para começar a sua faculdade!

“Não passei no Prouni” é uma frase que não precisa desanimar agora que você já sabe de todas essas oportunidades de bolsas. Portanto, continue se empenhando e, se desejar, tente entender melhor como elas funcionam para se candidatar a uma delas!

Aproveite também para compartilhar este conteúdo nas suas redes sociais. As informações aqui poderão ajudar amigos ou contatos que estão passando pela mesma situação que você!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.