Como usar a nota do Enem no Prouni?

comousaranotadoenemnoprouni

Entrar na faculdade é um sonho para muitos estudantes. No entanto, se você está pensando em abrir mão dessa conquista porque não pode pagar o valor integral das mensalidades, chegou o momento de mudar de ideia. A verdade é que existem soluções para quem não está no melhor momento da vida financeira!

Uma dessas formas é por meio do Enem, que permite o ingresso em instituições particulares com bolsas de estudos. Não sabe como isso funciona? Então, chegou a hora de descobrir como usar a nota do Enem no Prouni. Continue lendo e veja o passo a passo para começar sua vida acadêmica gratuitamente!

O que é o Prouni e qual sua relação com o Enem?

A primeira coisa que você precisa saber é que o Programa Universidade para Todos, também conhecido como Prouni, é uma iniciativa governamental que tem o intuito de oferecer parte das vagas do ensino superior para as pessoas de baixa renda.

Esse projeto existe desde 2004 e permite que milhares de pessoas ingressem anualmente no curso de graduação que escolheram, seja por meio de bolsas integrais, seja por meio de bolsas parciais. Ou seja: o Prouni é a oportunidade perfeita para fazer faculdade pagando muito menos ou sem custo algum.

Porém, se você ainda não entendeu a relação entre ele e o Enem, nós também vamos contar. O que acontece é que, ao contrário do que muitas pessoas imaginam, o Exame Nacional do Ensino Médio não serve apenas para ingressar nas instituições públicas. É isso mesmo que você está pensando: sua nota do Enem também pode ser usada para entrar na faculdade particular, pois é por meio dela que é feita a seleção dos estudantes que serão beneficiados pelo Prouni.

Então, ter um bom desempenho na prova pode permitir que você ingresse em uma instituição privada de alta qualidade, faça toda a sua graduação e conquiste o seu diploma de nível superior sem ter que se preocupar com valores de matrícula e mensalidades.

Quem pode se inscrever no Prouni com a nota do Enem?

A inscrição nesse programa ocorre regularmente duas vezes ao ano. Isso porque existe o processo seletivo do primeiro semestre, que normalmente acontece em janeiro, e o do segundo semestre, que costuma ser feito em julho.

Um dos principais critérios de participação do Prouni é ter realizado a prova do Enem no ano anterior. Além disso, também é preciso ter obtido média acima de 450 em todas as áreas do exame e pontuação maior que zero na redação. Portanto, capriche nos estudos para conseguir ter um bom desempenho e aumentar as suas chances de garantir uma vaga na faculdade.

Os outros pré-requisitos para conseguir uma bolsa do Prouni são relacionados a fatores socioeconômicos, afinal, essa iniciativa é destinada para as pessoas que realmente não podem custear um curso superior. Então, para conseguir uma bolsa integral é preciso:

  • ter cursado o ensino médio em escolas da rede pública ou ter sido bolsista integral em escolas particulares;
  • ter feito o Enem no ano anterior ao que pretende ingressar na faculdade;
  • ter renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio;
  • não ter formação de ensino superior.

As regras para conseguir a bolsa parcial, que cobre metade do valor das mensalidades, são muito parecidas. A única diferença é que, neste caso, a renda média por pessoa da família pode ser de até três salários mínimos.

Como fazer a inscrição do Prouni?

A inscrição é online, portanto, deve ser feita pelo site oficial do Programa Universidade para Todos durante o período determinado. Quer uma dica? Esteja com seus documentos por perto no momento de se inscrever, pois é preciso informar a renda de cada familiar durante o procedimento, além de dados pessoais e do número de inscrição do Enem.

Ao longo do período em que as inscrições ficam abertas, é importante prestar atenção às mudanças no site, pois diariamente são divulgadas as notas de corte de cada um dos cursos. Não sabe o que é isso? Nós podemos explicar: a nota de corte é a pontuação mínima para conseguir uma vaga na opção escolhida. E temos uma boa notícia para você: elas costumam ser mais baixas que as notas de corte para ingressar nas faculdades públicas.

Por fim, após a divulgação do resultado, você poderá conferir no site se conseguiu a sua bolsa de estudos pelo Prouni. Caso tenha conquistado uma vaga, parabéns! O próximo passo é ir até a faculdade com seus documentos e comprovantes de renda para se matricular, sempre respeitando o prazo estipulado no processo seletivo.

E se você não conquistar uma vaga de primeira, não precisa entrar em desespero, pois existe a segunda chamada, que é uma nova chance para quem ficou muito perto de ser convocado para matrícula!

Como a nota obtida no Enem é utilizada na prática?

Agora que você já sabe como o Prouni funciona, talvez esteja com um questionamento muito comum: como funciona a nota do Prouni? Ou seja, como é feito o cálculo da média de cada candidato às vagas oferecidas pelas faculdades?

O cálculo é mais simples do que você imagina! As pontuações obtidas em cada uma das áreas do conhecimento no Enem são somadas, totalizando uma nota final. Depois, essa nota é dividida por cinco, permitindo que o sistema do Prouni tenha a sua média geral.

Vamos a um exemplo prático: se você tirar 900 na redação, 600 em Matemática, 800 em Linguagens, 750 em Ciências da Natureza e 720 em Ciências Humanas, todas essas notas serão somadas. Assim, sua nota total será de 3.770 pontos. Ao dividir tudo isso por cinco, sua média será de 754 pontos. Assim, se você escolher um curso que tenha a nota de corte de 680 pontos, conseguirá uma vaga, já que a sua nota foi acima do mínimo necessário.

Então, basicamente, usar a nota do Enem no Prouni é mais simples do que parece. Em resumo, você precisa:

  • estar dentro dos pré-requisitos do Prouni;
  • atingir média superior a 450 pontos;
  • conseguir nota maior que zero na redação do Enem;
  • fazer a sua inscrição no site do Prouni;
  • acompanhar a sua inscrição;
  • conferir o resultado da primeira chamada e da segunda chamada;
  • fazer a matrícula na faculdade.

Viu como é possível entrar em uma faculdade particular de qualidade por meio do Exame Nacional do Ensino Médio? Agora é com você: comece desde já a se preparar para garantir a sua vaga no curso dos seus sonhos! Confira nosso guia completo com dicas imperdíveis para se preparar para o Enem.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instituições Participantes do Vestibulares

O Vestibulares traz informações sobre os processos seletivos de sete instituições pelo Brasil: