Qual é a diferença entre mitose e meiose?

Estudar muito faz parte da nossa vida quase todo o tempo. A preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o vestibular é apenas uma das fases que acontecem antes da nossa dedicação a um curso de graduação e à nossa vida profissional.

Durante essa primeira etapa, existem vários assuntos da época do ensino médio que precisam ser dominados. Um deles é sobre mitose e meiose. Você lembra o que isso significa?

Mitose e meiose são processos de divisão celular que acontecem nos seres vivos. Na mitose, temos como resultado duas células-filha geneticamente idênticas. Na meiose, temos 4 células, cada uma com metade dos cromossomos da célula-mãe.

O motivo de o assunto ser muito importante é que ele é bastante relacionado à nossa saúde. Somos formados por células e, assim, tudo em nosso organismo origina-se e cresce a partir desses processos celulares.

Continue a leitura, entenda essa diferença e saiba como estudar o tema para a prova por meio dos seguintes tópicos:

  • O que é mitose e quais suas fases?
  • O que é meiose e quais suas fases?
  • Quais são as diferenças entre mitose e meiose?
  • Como esse assunto pode ser cobrado no vestibular e no Enem?

O que é mitose e quais suas fases?

Chamamos de mitose o processo de divisão celular que ocasiona em crescimento, regeneração e renovação das células. É por causa dela que, por exemplo, uma criança cresce ou que um machucado sara. Acontece nas células somáticas, as quais estão presentes em quase todo o corpo.

As células originadas aqui sofrem um processo equacional. Isso significa que as células-filha são idênticas às células-mãe, além de ter a mesma quantidade de cromossomos. Dessa forma, uma célula diploide divide-se em 2 células também diploides.

Suas fases são as seguintes.

Prófase

Ocorre após a interfase (etapa na qual há o aumento da célula) e é a fase mais longa da mitose. Começa com o aumento do volume nuclear, pois o citoplasma cede água ao núcleo e, com isso, tornar-se mais denso.

Nesse início, cada cromossomo tem, em sua constituição, dois filamentos chamados de cromátides, que são unidos pelo centrômero. Com o tempo, os cromossomos condensam-se, e o nucléolo desaparece.

Prometáfase

Aqui, ocorre a desintegração da carioteca. Os cromossomos andam em direção à região equatorial da célula.

Metáfase

Nessa etapa, os cromossomos atingem seu maior grau de condensação e permanecem parados por um tempo. As partículas e as organelas movimentam-se intensamente dentro do citoplasma, dirigindo-se aos lados opostos da célula.

Anáfase

Acontece a separação das células cromátides irmãs. Os cromossomos migram para o lado oposto da célula. Metade vai para um lado, e a outra metade, para o outro.

Telófase

Os núcleos e os envelopes nucleares são formados. O nucléolo reaparece, os cromossomos descondensam-se, e a carioteca reorganiza-se. Temos como resultado uma membrana celular dividida em duas partes idênticas, formando duas novas células.

O que é meiose e quais suas fases?

Nem todas as células sofrem mitose. A meiose é responsável pela divisão de células germinativas, que são aquelas responsáveis pela reprodução sexual. No homem, estão presentes nos testículos. Na mulher, nos ovários.

As células originadas aqui sofrem um processo reducional. Isso significa que as células-filha não são idênticas às células-mãe. Elas apenas herdam metade de seu material genético. Assim, uma célula diploide passa por duas fases e tem como resultado final 4 células haploides.

Plano de Estudos para Medicina

Suas fases são as seguintes.

Prófase I

É a fase mais complexa da meiose. Aqui, cada cromossomo é formado por duas cromátides, e há presença de pequenas condensações. Em seguida, ocorre a ligação de cromossomos homólogos. Cada par desses cromossomos tem 4 cromátides.

Com o processo de divisão, ocorre uma pequena ruptura nas cromátides, e dois pedaços trocam de lugar, acontecendo o crossing over. Mas ainda continuam a condensação e a separação dos cromossomos.

Metáfase I

A membrana celular desaparece, e os pares de cromossomos homólogos ordenam-se no plano equatorial da célula.

Anáfase I

Os cromossomos homólogos separam-se e vão em direção a lados opostos.

Telófase I

Com os cromossomos separados em dois grupos de cada polo, o citoplasma divide-se e forma duas células-filha.

Prófase II

A segunda divisão da meiose acontece nas duas células-filha. Aqui, os cromossomos movimentam-se e vão em direção à placa metafásica.

Metáfase II

Os cromossomos posicionam-se na placa metafásica.

Anáfase II

As cromátides irmãs separam-se e vão para cada um dos polos das células.

Telófase II

O nucléolo reorganiza-se, ocorre a citocinese e o surgimento de 4 células-filha haploides.

Quais são as diferenças entre mitose e meiose?

Apesar de mitose e meiose referirem-se à divisão celular, podemos notar algumas diferenças nesses processos, por exemplo:

  • mitose dá origem a 2 células-filha idênticas à célula-mãe. A meiose gera 4 células-filha com apenas metade do material genético da mãe;
  • mitose acontece nas células somáticas, enquanto meiose, nas células germinativas;
  • mitose não tem crossing over (troca de material genético), na meiose, por outro lado, há;
  • na mitose, o processo é equacional, ou seja, o número de células é mantido. Na meiose, acontece o processo reducional, no qual há redução pela metade do número de cromossomos nas células-filha.

Como esse assunto pode ser cobrado no vestibular e Enem?

Depois de todo esse resumo, você deve estar se perguntando: “Como cai mitose e meiose no Enem?” ou “Como cai mitose e meiose no vestibular?”.

Bem, no Enem, a matéria cai na parte relacionada às Ciências da Natureza, a qual é composta por Química, Física e Biologia. As questões, de modo geral, iniciam-se com um pequeno texto e, no final, existe uma pergunta. Algumas vezes, há a representação de figuras, as quais apontam as fases dos processos. Independentemente de como for, o candidato precisa escolher a resposta correta, no meio de 5 itens. No vestibular, cai de um jeito parecido. Assim, ao estudar para um, automaticamente você está preparado para o outro.

Para se dar bem, nossa dica é acompanhar o site Trilha do Enem. Nele, você consegue montar um plano de estudos individualizado, de acordo com seu perfil e treinar com simulados para Enem, o que deixará você bastante afiado para o grande dia. Assistir a videoaulas e fazer resumos dos principais assuntos também são formas válidas de reter o conteúdo. Por exemplo, aqui, você confere uma superaula dedicada à citologia, o ramo da Biologia que estudo justamente as células:

Saber a diferença entre mitose e meiose é um dos assuntos mais importantes para o Enem e o vestibular. Dessa maneira, não deixe de se dedicar à matéria e de tirar todas suas dúvidas durante seus estudos para a prova, combinado?

Gostou da revisão? Você sente afinidade com esse assunto? Se sim, você pode se dar muito bem com uma graduação na área de Saúde, sabia? Então, conheça um pouco mais sobre a faculdade de Fisioterapia!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

0 Comentários

    Gostei do assunto de sua divulgação, gostaria de ver se é pertinente para meu site.

    Sds.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instituições Participantes do Vestibulares

O Vestibulares traz informações sobre os processos seletivos de sete instituições pelo Brasil: