O que são as crônicas e como podem cair no Enem?

estudante fazendo crônica

Consideradas um dos gêneros textuais mais relevantes e apreciados nos tempos modernos, as crônicas merecem sua atenção na hora de organizar seus estudos para o Enem.

Caracterizado por abordar fatos cotidianos, ser uma narrativa curta e ter linguagem coloquial, do dia a dia, esse tipo de texto foi praticado por muitos autores consagrados, como Machado de Assis, Luís Fernando Veríssimo e Carlos Drummond de Andrade, só para citar alguns.

Não está familiarizado com esse gênero textual? Fique tranquilo! Neste post, vamos mostrar o que são, quais são os tipos e as principais características das crônicas. Também falaremos sobre como elas podem ser cobradas no Enem e no vestibular!

O que são crônicas?

As crônicas estão inseridas dentro da categoria de textos narrativos. Essa tipologia é marcada pela existência de acontecimentos reais ou fictícios, vividos por personagens ou por pessoas reais, dentro de determinado tempo e espaço.

“O que é crônica?” é uma pergunta comum entre estudantes. Não são poucos os que confundem esse gênero textual com o conto ou, até mesmo, com relato de viagem e autobiografia. Como um texto narrativo, a crônica conta uma trama, também conhecida como enredo, que tem papel central na compreensão do conflito.

Apesar de ambos serem textos narrativos, conto e crônica diferem em um aspecto importante: esse segundo gênero textual sempre narra fatos do dia a dia, ou seja, se refere ao cotidiano das pessoas, geralmente em uma cidade grande. Já os contos, apesar de também serem narrativas curtas, podem abordar temas diversos, inclusive, fantásticos, com elementos que não fazem parte do nosso mundo.

Crônicas também diferem de textos como relatos de viagem, biografias e autobiografias. Afinal, apesar desses três tipos também terem relação com a vida real, se enquadram na tipologia de texto descritiva em vez de narrativa. Ou seja, eles relatam algo, seja uma pessoa ou um acontecimento.

Quais são as principais características de uma crônica?

Agora que você já sabe o que são crônicas, deve se perguntar quais são as principais características desse gênero textual. Não se preocupe! Confira alguns pontos para identificar uma crônica.

Uso de fatos cotidianos

Uma das principais características deste tipo de gênero e, geralmente, cobrada no vestibular, é o uso de fatos cotidianos na confecção do texto. É comum que o cronista escreva sobre situações do dia a dia, como uma discussão que presenciou no ônibus, um embate entre seus vizinhos ou uma ida ao médico.

Usar fatos comuns na rotina das pessoas na confecção da crônica aproxima o texto do leitor e faz com que esse gênero textual esteja presente em veículos de comunicação diversos, como jornais, revistas e blogs.

Narrativa curta

Outra característica importante da crônica é que é sempre uma narrativa curta. Ou seja, o texto é construído de forma que o leitor possa ler rapidamente, seja no metrô no caminho para o trabalho ou tomando o café da manhã, diferentemente do que acontece com um romance, que demanda mais tempo para ser lido.

banner de preparação para o enem 2021

Linguagem coloquial

Você também pode reconhecer uma crônica por meio da linguagem que o autor usa no texto. Esse tipo de gênero textual é marcado pela informalidade. Ou seja, uma crônica é sempre escrita em linguagem coloquial, com palavras e expressões que usamos no nosso dia a dia.

Nenhum ou poucos personagens

Não é raro que uma crônica não conte com nenhum personagem. Muitas vezes, o texto trata apenas da opinião do cronista sobre um fato que aconteceu na sua rotina, como uma discussão que presenciou no trabalho ou suas impressões em relação a determinado acontecimento.

No entanto, atenção: diferentemente do que acontece no texto descritivo, a crônica geralmente tem um enredo, ou seja, expõe um acontecimento, uma complicação, tem o clímax e, finalmente, um desfecho.

Utilização de ironia ou sarcasmo

Muitos cronistas apostam também no uso de figuras de linguagem, como ironia e sarcasmo, para ilustrar seu ponto de vista sobre determinado fato cotidiano para o leitor.

Quais são os tipos de crônicas existentes?

As crônicas se popularizaram a partir do momento em que começaram a ser publicadas em jornais. Não à toa, esse veículo de comunicação ainda é muito usado por cronistas para publicarem seu trabalho.

No entanto, com o advento da internet, as crônicas também passaram a figurar em blogs, sites e outros meios digitais. Entre os tipos mais comuns de crônicas estão:

  • narrativa, abordando um fato cotidiano sob a ótica individual;
  • jornalística, em que o cronista usa fatos do dia a dia para promover reflexões e defender determinados argumentos e teses;
  • esportiva, similar à jornalística, com um esporte, como o futebol, como tema central;
  • humorística, em que há o amplo uso de figuras de linguagem como ironia e sarcasmo para, a partir de fatos cotidianos, o autor marcar seu ponto de vista com uma linguagem bem-humorada.

Como as crônicas podem ser cobradas no Enem?

Agora que você já sabe as principais características e os tipos desse gênero textual tão usado na Literatura, fica a dúvida: como as crônicas podem ser cobradas no Enem? Bom, elas podem aparecer nas provas de algumas maneiras. É possível que o gênero seja pedido na redação ou, então, por meio da identificação desse tipo de texto, considerando suas principais características.

As crônicas podem ser abordadas no Enem por meio da análise dos principais cronistas brasileiros. Machado de Assis, Carlos Drummond de Andrade e Luís Fernando Veríssimo, por exemplo, estão entre os autores que caem no Enem e são exímios cronistas. Atenção redobrada à obra deles!

Uma dica é acessar o Trilha do Enem para reforçar seus conhecimentos sobre esse gênero textual, além de fazer simulados específicos para ver se você sabe tudo sobre esse tipo de texto.

Estudar crônicas é essencial para se sair bem no Enem e garantir uma boa nota na área de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Use nosso conteúdo como ponto de partida e se aprofunde mais nesse gênero textual contemporâneo, lendo os principais cronistas e identificando as principais características desse tipo de texto.

Gostou deste conteúdo? Então, turbine ainda mais os seus estudos com a nossa planilha gratuita de Preparação e Organização para o Enem. Faça o download e aproveite o material!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

prouni, crédito estudantil, fies ou bolsa privada

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.