Bolsa parcial do Prouni: o que significa e quais são as vantagens?

estudante com bolsa do prouni

Se você tem uma renda restrita, deve saber que a parte financeira é o maior desafio para cursar uma faculdade. Na verdade, conseguir uma bolsa de estudos, ainda que seja parcial, é o que facilitará muito a sua entrada na graduação, certo?

Há muito, o Governo Federal percebe essa barreira socioeconômica que impede o acesso de inúmeros brasileiros ao ensino superior; por isso, há mais de 15 anos criou o Programa Universidade para Todos (Prouni), com o intuito de distribuir bolsas de estudo integrais e parciais a estudantes sem diploma de graduação que atendam aos critérios do programa.

Em especial, a bolsa parcial do Prouni tem diferentes percentuais de desconto e favorece a parcela dos estudantes que poderiam pagar ao menos uma parte da faculdade. Como a bolsa parcial tem vários detalhes importantes, vale a pena dedicar um post só sobre ela. Continue conosco nesta leitura e confira as informações!

O que é o Prouni?

O Prouni é um programa de bolsas de estudos criado em 2004, por meio da Lei 11.096 sancionada pelo ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. O objetivo é ampliar o acesso ao ensino superior, com o custeio integral ou parcial das mensalidades em instituições de ensino superior privadas filiadas ao programa. Há duas edições anualmente, no primeiro e segundo semestre ― meados de fevereiro e julho.

Veja como funcionam os tipos de bolsa do Prouni:

  • bolsas integrais — custeio de 100% da mensalidade do curso de graduação até a conclusão. Podem concorrer estudantes cuja renda familiar não ultrapasse 1,5 salário mínimo por pessoa;
  • bolsas parciais — custeio de 50% das mensalidades do curso de graduação até a conclusão. Destina-se a estudantes cuja renda familiar seja de, no máximo, 3 salários mínimos por pessoa.

Além da renda, os critérios para participar são os seguintes:

  • não ter diploma de ensino superior;
  • ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em privada, desde que recebendo uma bolsa integral;
  • ter participado da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem);
  • ter obtido o mínimo de 450 pontos no exame e não ter zerado a redação.

Ainda, há o sistema de cotas do Prouni. Essa é uma ação social afirmativa que permite pessoas com deficiência (PCD), pretos, pardos e índios a concorrerem por vagas exclusivas ou na ampla concorrência (ser vetado na primeira possibilidade não exclui a participação na segunda).

Por fim, professores da rede pública que desejem cursar a primeira Licenciatura também podem participar da seleção.

Como funcionam as bolsas parciais do Prouni?

Como você viu, a bolsa 50% do Prouni é uma excelente alternativa, caso sua faixa de renda impeça a participação do processo seletivo para bolsas integrais. 

O processo de inscrição na bolsa parcial do Prouni é o mesmo que para a integral. Após se certificar de que cumpre todos os pré-requisitos, basicamente você deverá fazer os seguintes passos:

  • acesse o site oficial do Prouni;
  • insira seu CPF, número de inscrição e senha cadastrados para a última edição Enem. Se você não souber, acesse o site do Enem e confira;
  • assim que o sistema recuperar seus dados, confira-os;
  • preencha o questionário socioeconômico e inclua os dados dos seus familiares;
  • escolha duas opções de curso (pode ser em uma ou mais instituição). Aplicar um filtro por estado e município ajuda você a encontrar essas informações;
  • indique o tipo de bolsa (parcial ou integral);
  • assinale se você pertence a grupos cotistas.

Para facilitar sua inscrição e evitar contratempos, leia atentamente o edital do Prouni, que é divulgado assim que é lançada a edição daquele semestre. Assim, dá tempo de reunir todas as informações solicitadas.

Quais são as vantagens das bolsas parciais?

Agora que você entendeu como o que é e como funciona a bolsa parcial do Prouni, confira alguns motivos para tentar esse benefício.

Ingressar no ensino superior pagando metade do valor

A bolsa de cinquenta por cento do Prouni é muito vantajosa, ainda que não seja integral. Imagine que sua faculdade custe mensalmente R$ 1.500. Após 12 meses (supondo que não há taxa de matrícula), você terá desembolsado R$ 18 mil.

Já com a bolsa parcial do Prouni, o valor da mensalidade mensal cai para R$ 750, ou R$ 9 mil em um ano. Muito melhor, não é mesmo? 

Participar do FIES mesmo com o Prouni

Outra boa notícia é que você pode fazer a inscrição no FIES mesmo tendo recebido a bolsa parcial do Prouni. Assim, a parte da mensalidade que você teria de arcar poderá ser financiada pelo FIES. Por isso, vale a pena consultar se a faculdade pretendida está cadastrada nos dois programas. 

Sendo beneficiário do Prouni e do FIES, você ganhará fôlego financeiro e terá melhor planejamento para quitar essas parcelas só quando acabar a faculdade. Quer outra boa notícia? Os juros podem chegar à taxa zero.

Ter o direito ao desconto pontualidade 

O desconto pontualidade é um benefício particular de cada instituição. Para os alunos que pagam suas mensalidades até a data do vencimento, os descontos variam geralmente entre 5% e 10% do valor total

Como a bolsa do Prouni é parcial, algumas faculdades ainda permitem que você receba o desconto pontualidade sobre o valor que terá de pagar. Na prática, você poderá ter um desconto a mais permanente, desde que quite suas parcelas nas datas estipuladas.

Alguns detalhes sobre a bolsa parcial do Prouni

Para terminar, é importante que você tenha atenção aos seguintes detalhes para concorrer a uma bolsa parcial do Prouni.

Cuidado com nota de corte

A nota de corte do Prouni é atualizada diariamente conforme o curso e o número de inscritos. Então, garanta que sua nota do Enem seja alta, pois, às vezes, a nota de corte pode ser superior a 600 pontos, o que exclui todos os candidatos com média inferior.

Atenção aos prazos

Atente a todos os prazos (inscrição, confirmação do benefício, matrícula na faculdade etc.). Do contrário, você será excluído do programa e sua vaga vai para o próximo da lista.

Leia o manual do bolsista

Assim como com o edital, leia atentamente o manual do bolsista do Prouni. Ali estão informações importantes sobre diferentes assuntos. Por exemplo: manifestar interesse em ficar em lista de espera, como realizar a transferência de faculdade, como fazer o aproveitamento acadêmico etc.

Agora é com você!

Viu só como não faltam oportunidades para você fazer um curso superior e conquistar o seu tão sonhado diploma? Com a bolsa parcial do Prouni, as mensalidades não pesam tanto no bolso; e, com outros benefícios oferecidos pelas próprias faculdades, quitar os custos fica ainda mais tranquilo.

Então, não deixe passar a oportunidade de cursar uma graduação. Inscreva-se já para as provas online de uma das instituições participantes do Vestibulares e garanta a sua vaga!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

prouni, crédito estudantil, fies ou bolsa privada

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.