Passo a passo: saiba como fazer a inscrição no FIES

casal fazendo inscrição fies

Conseguir um diploma de ensino superior e melhorar de vida não é mais algo só para quem tem muito dinheiro. Hoje em dia, existem diversas maneiras de estudar em uma boa faculdade privada sem comprometer a renda familiar.

O Fundo de Financiamento Estudantil, ou FIES, é um programa que permite que pessoas consigam financiar o valor de um curso presencial em uma faculdade particular de qualidade (todas aprovadas pelo Ministério da Educação).

Veja quais são os pré-requisitos para conseguir essa ajuda e saiba como fazer a inscrição no FIES!

Pré-requisitos do FIES

Para se inscrever no FIES e financiar o valor do curso de nível superior, o aluno precisa atender a alguns pré-requisitos do programa: 

  • ter feito o Enem a partir de 2010;
  • ter tido nota do Enem superior a 450 e não ter zerado a redação;
  • ter renda familiar per capita (a renda total da família dividido pelo número de pessoas da casa) entre 3 a 5 salários mínimos (R$ 1.045 em 2020).

Pessoas que se encaixam nesses critérios são as que podem fazer o cadastro no FIES. Além disso, também existe o P-FIES, para quem tem renda acima de 5 salários mínimos.

Bom, sabendo que você se adéqua aos pré-requisitos, é hora de colocar a mão na massa. Veja como se inscrever no FIES!

Passo a passo para fazer a inscrição no FIES

Para começar, é importante saber que não é possível realizar a inscrição em qualquer momento. O Ministério da Educação divulga o cronograma do FIES duas vezes ao ano (antes do início do período letivo de cada semestre) para que o financiamento seja solicitado.

Isso também quer dizer que você pode pedir o financiamento do FIES no meio do ano. Não precisa esperar até o ano seguinte. Além disso, é possível pedir o subsídio em qualquer semestre do curso, não apenas quando está no começo da faculdade.

Estando dentro do período de solicitação, vamos realizar a inscrição no FIES!

Acesse o site do FIES

O primeiro passo é entrar no site oficial do FIES.

Depois, clique em “Minha inscrição”. Você será redirecionado para o site FIES Seleção, que é o sistema de seleção do programa, em que o Governo classifica os candidatos e diz, a partir das informações, se eles estão aptos ou não a fazer o financiamento.

Crie seu cadastro

Se já tiver uma conta no site do Governo, entre com seus dados (e-mail e senha). Se não, é hora de se cadastrar!

Clique em “Crie sua conta gov.br”. Na nova página, clique novamente na mesma frase. Na janela que vai abrir, selecione a opção “Número de CPF”.

Informe os dados do seu documento, nome completo, assinale que está de acordo com os termos de uso. Selecione o quadro “Não sou um robô” (faça isso sempre que ele aparecer). Clique em “Avançar”.

Valide seus dados

Continuando a criação da conta no site do Governo, é hora de validar os dados de acordo com o que é pedido. O sistema do Governo, a partir do número do seu CPF, já tem essas informações, mas é preciso confirmá-las.

Valide o cadastro

Nesse momento, é hora de informar qual e-mail gostaria de usar, além de fornecer outras informações de contato.

Para garantir que os dados estejam corretos, é enviado um e-mail ou um SMS, de acordo com o que você desejar. Caso escolha o e-mail, abra-o e clique no link de validação. No SMS, é enviado um código. Siga as instruções mostradas pelo site.

Crie uma senha

Após tudo isso, é pedido que você crie uma senha para acessar seu cadastro. Lembre-se que você precisará acessar esse cadastro outras vezes no futuro. Caso esqueça a senha, é possível recuperá-la em “Esqueci minha senha” na hora de fazer o login.

Volte para o site do FIES Seleção

Com a conta criada, agora é só entrar com seu cadastro clicando em “Entrar com gov.br”. Informe seu CPF e sua senha.

Se for um primeiro acesso, é possível que o sistema peça algumas validações, como o número de telefone para contato e a autorização de uso de dados. Depois, você será redirecionado para o sistema do FIES.

Preencha dados e questionário

Nessa página, é hora de informar todos os dados pedidos. Estado civil, endereço, telefone, número do RG, se você deseja utilizar o nome social, entre outras informações. Clique em “Gravar e Avançar”.

Agora, preencha todos os dados pedidos no questionário, que são sobre raça/cor, presença de deficiência e, principalmente, sobre o histórico de estudo (em que tipo de escola estudou, se já concluiu outro curso superior, quando concluiu o ensino médio etc.).

Selecione as opções de declaração e autorização abaixo. Clique em “gravar”.

Preencha as informações de grupo familiar

Nesse momento, são pedidos os dados do candidato e algumas informações referentes ao seu posicionamento na família. Como assim?

É nesse momento que se coloca qual é sua Renda Individual Mensal Bruta (o resultado da divisão da renda da família pelo número de integrantes da casa) e qual é seu parentesco na família (pai, mãe, filho, sobrinho etc.).

Preencha as informações do grupo de preferência

Nesse momento, é hora de escolher qual o curso, de fato, você deseja fazer o financiamento. Esse momento vale tanto para quem vai começar o curso agora quanto para quem já está fazendo.

No primeiro grupo de preferência, selecione o estado e a cidade. Selecione o curso que deseja fazer e em qual faculdade (no campo IES – Instituição de Ensino).

Nesse caso, se você ainda vai começar o curso e não sabe em qual faculdade, pode deixar o campo do nome da instituição em branco. Assim, o sistema vai mostrar todas as instituições disponíveis em que você pode tentar o financiamento. Selecione a opção que melhor se encaixe com seus desejos.

Caso já saiba onde quer cursar, é só preencher o campo IES, e o sistema concluirá esse grupo de preferência. Você pode preencher até 3 grupos de preferência, com outras opções de curso para financiamento.

Na próxima página, informe se você já está realizando o curso ou não. Coloque “0” se ainda for começar ou selecione o número de semestres que já concluiu. Clique em “gravar”.

Pronto! Sua inscrição no FIES está concluída! Caso ainda tenha dúvidas, veja o vídeo abaixo para entender melhor o preenchimento de cada campo:

Fui pré-selecionado! E agora?

Aqui, é importante lembrar que a inscrição no FIES garante que o aluno concorra a uma “pré-seleção”. Por isso, depois de se inscrever no FIES, é preciso esperar até que saia o resultado de quais alunos estão aptos ao programa, o que leva apenas alguns dias depois do fechamento das inscrições.

Caso você tenha sido pré-selecionado, é preciso efetivar sua inscrição no site do SisFIES, que vai detalhar quais são os próximos procedimentos a serem feitos, como levar seus documentos na faculdade escolhida e procurar a instituição financeira (Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil) para realizar seu financiamento. Uma vez efetivado, você pode consultar o seu contrato do FIES sempre que precisar.

Agora, você percebeu que não se encaixa nos pré-requisitos do FIES? Não se desespere. Saiba que existem outras formas de estudar em uma boa faculdade privada sem prejudicar a vida financeira da família. Faça o quiz sobre Prouni, PEP, FIES ou Bolsa Privada e descubra qual se encaixa mais em sua realidade.

E não se esqueça do mais importante: antes de fazer sua inscrição no FIES, busque por instituições sérias, que valorizem o ensino de qualidade e a preparação do aluno para o mercado de trabalho.

Inscreva-se hoje mesmo no vestibular e concorra a vagas em faculdades de qualidade que aceitam o financiamento federal!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 5

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instituições Participantes do Vestibulares

O Vestibulares traz informações sobre os processos seletivos de sete instituições pelo Brasil: