Bioquímica: o que é e como estudar para o Enem?

bioquímica

Próximo ou longe da data do Enem, é preciso organizar seus estudos quanto antes. Uma das áreas que exigem maior atenção é relacionada às Ciências da Natureza e suas Tecnologias, prova que envolve questões de Biologia, Física e Química.

Como a prova é contextualizada e interdisciplinar, os assuntos de cada disciplina se misturam e dão abertura para algumas abordagens, como é o caso da Bioquímica, que transita entre as áreas de Biologia e Química.

Mas de que maneira aparece a Bioquímica no Enem? Que assuntos podem cair na prova e como estudar essa temática para o exame? Você vai descobrir tudo isso neste post!

O que é Bioquímica?

A Bioquímica é o estudo da estrutura, da composição e das reações químicas de substâncias em sistemas vivos. Ela surgiu como uma disciplina específica quando os cientistas combinaram Biologia com Química Orgânica, Inorgânica e Física e começaram a estudar como os seres vivos obtêm energia dos alimentos, a base química da hereditariedade, quais mudanças fundamentais ocorrem nas doenças e áreas afins.

Por que cai Bioquímica no Enem e demais vestibulares?

O motivo de existirem questões envolvendo Bioquímica no vestibular em geral e no Enem é porque abrange um campo de pesquisa incrivelmente diverso que toca quase todos os aspectos de nossas vidas.

Por exemplo, uma das questões mais urgentes em nossa sociedade, a degradação ambiental, está sendo abordada por bioquímicos. Alguns exemplos da importância de seu trabalho:

  • melhoria da produtividade agrícola;
  • recuperação de solos poluídos;
  • produção de biocombustíveis;
  • mapeamento genético de ecossistemas;
  • monitoramento da biodiversidade;
  • captura biológica de carbono.

Além disso, a aplicação mais óbvia da Bioquímica em nossa vida está nas pesquisas da área da saúde, ajudando em importantes descobertas para a prevenção e a cura de doenças, como diabetes, aterosclerose, câncer e patologias infecciosas.

👉 Por falar em infecções, veja a importância da Bioquímica para a saúde, na prática, lendo informações sobre a penicilina, um dos mais importantes antibióticos da história.

Mas não para por aí, a Bioquímica aparece até mesmo no aperfeiçoamento de materiais da indústria ou em áreas como a Arqueologia, ao realizar investigações genéticas de restos mortais da Pré-História.

Quais assuntos de Bioquímica podem ser vistos no Enem?

Com a explicação acima, já dá para ver quanto a Bioquímica é abrangente e dá margem para inúmeras questões envolvendo reações químicas e transformações moleculares nos seres vivos, como:

  • funções da água no organismo;
  • composição química da célula;
  • estrutura de uma proteína;
  • processos metabólicos e fases do metabolismo;
  • respiração celular.

Para que você entenda melhor, vamos falar brevemente sobre cada um desses itens.

Funções da água no organismo

Principal componente das células, a água é responsável pelo transporte de substâncias, como nutrientes, oxigênio e sais minerais, e pela eliminação de substâncias tóxicas, o que garante o equilíbrio celular e a sobrevivência dos organismos.

Além disso, regula a temperatura e ajuda na proteção celular e na lubrificação de articulações. Isso sem falar no líquido amniótico que envolve o feto durante toda a gestação.

Composição química da célula

As células são compostas por dois grandes grupos de substâncias:

  • orgânicas — carboidratos, lipídios, proteínas e ácidos nucleicos. Cada uma das substâncias orgânicas é formada por cadeias carbônicas com funções específicas.
  • inorgânicas — água e sais minerais.

Toda a composição química das células é baseada na combinação dos elementos químicos da natureza. Quatro deles são encontrados em maior quantidade na composição química dos seres vivos:

  • carbono (C);
  • oxigênio (O);
  • nitrogênio (N);
  • hidrogênio (H).

Esses são complementados por outros biologicamente importantes, como:

  • sódio (Na);
  • potássio (K);
  • cálcio (Ca);
  • fósforo (P);
  • enxofre (S).

Estrutura de uma proteína

A estrutura da proteína é a conformação natural da molécula para que esta possa desempenhar suas funções biológicas. As proteínas são macromoléculas que se formam a partir da união de aminoácidos. Existem quatro níveis estruturais:

banner de preparação para o enem 2021
  • primário
  • secundário;
  • terciário;
  • quaternário.

Processos metabólicos e fases do metabolismo

O metabolismo é um conjunto de reações químicas para satisfazer as necessidades das estruturais e energéticas do organismo. Há quatro funções específicas:

  • obter energia;
  • converter as moléculas em nutrientes para o organismo;
  • reunir e organizar componentes celulares;
  • sintetizar e degradar biomoléculas.

O metabolismo se divide em duas fases:

  • catabolismo — fase degradativa do metabolismo, em que as nutrientes, carboidratos, lipídios e proteínas são degradados para se tornarem produtos finais menores e mais simples, como é o caso da digestão;
  • anabolismo — fase sintetizante do metabolismo, em que as unidades fundamentais são reunidas para formar as macromoléculas, como proteínas e DNA.

Respiração celular

Todas as células precisam obter e transportar energia para manter suas funções vitais. Para que as células continuem vivas, elas devem ser capazes de realizar operações essenciais que mantêm o ambiente interno da célula adequado para a vida.

Logo, a respiração celular é uma via metabólica que decompõe a glicose e produz ATP (trifostafo de adenosina). Os estágios da respiração celular incluem:

  • glicólise;
  • oxidação do piruvato (molécula com três átomos de carbono);
  • ciclo de Krebs;
  • fosforilação oxidativa.

👉 Já que falamos em átomos, complemente seus estudos conhecendo os principais modelos atômicos e para que servem.

Como estudar Bioquímica para o Enem?

Agora que você já conhece os principais assuntos relacionados à Bioquímica, é hora de saber como estudá-los. Vamos lá?

Desmembre os assuntos em partes

Cada um desses assuntos que citamos se aprofunda em uma série de conceitos e fórmulas. Para não bagunçar sua cabeça, separe cada parte e dedique um tempo para seu entendimento, tanto teórico quanto prático.

Refaça questões

As questões de Biologia e Química no Enem são um bom exemplo de interdisciplinaridade na prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias. Para treiná-las, dedique um bom tempo para a fazer simulados de provas anteriores. Aproveite e visite questões de Bioquímica no vestibular de faculdades importantes: elas ajudarão você a fixar ainda mais as matérias.

Consuma conteúdos sobre o assunto

Interagir com diferentes formatos de conteúdo ajuda muito na compreensão das informações. Além dos textos de livros e apostilas, assista a vídeos, ouça podcasts e utilize infográficos. Ainda, você pode baixar aplicativos de Bioquímica no celular e aprender por meio de jogos e desafios.

E, se você ainda não sabe o que é o Trilha do Enem, explore a plataforma e aproveite as videoaulas, os simulados e todas as outras vantagens de estudar por lá!

Exemplo de questão aplicada ao Enem

Para terminar, veja um exemplo de como a Bioquímica pode cair no Enem. Esta questão é da prova de 2012.

Os conhecimentos de fisiologia são aqueles básicos para compreender as alterações que ocorrem durante as atividades físicas (frequência cardíaca, queima de calorias, perda de água e sais minerais) e aquelas que ocorrem em longo prazo (melhora da condição cardiorrespiratória, aumento da massa muscular, da força e da flexibilidade e diminuição de tecido adiposo).

A bioquímica abordará conteúdos que subsidiam a fisiologia: alguns processos metabólicos de produção de energia, eliminação e reposição de nutrientes básicos. Os conhecimentos de biomecânica são relacionados à anatomia e contemplam, principalmente, a adequação dos hábitos posturais, como, por exemplo, levantar um peso e equilibrar objetos. (BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Educação Física. Brasília: MEC/SEF, 1997.)

Em um exercício físico, são exemplos da abordagem fisiológica, bioquímica e biomecânica, respectivamente,

a) A quebra da glicose na célula para produção de energia no ciclo de Krebs; o aumento da frequência cardíaca e da pressão arterial; o tamanho da passada durante a execução da corrida.

b) A quebra da glicose na célula para produção de energia no ciclo de Krebs; o tamanho da passada durante a execução da corrida; o aumento da frequência cardíaca e da pressão arterial.

c) O tamanho da passada durante a execução da corrida; o aumento da frequência cardíaca e da pressão arterial; a quebra da glicose na célula para produção de energia no ciclo de Krebs.

d) O aumento da frequência cardíaca e da pressão arterial; a quebra da glicose na célula para produção de energia no ciclo de Krebs; o tamanho da passada durante a execução da corrida.

e) O aumento da frequência cardíaca e pressão arterial; o tamanho da passada durante a execução da corrida; a quebra da glicose na célula para produção de energia no ciclo de Krebs.

Resposta correta: letra d.

Organize seus estudos!

Depois desta leitura, você já tem mais familiaridade com os assuntos de Bioquímica. Agora, é preciso pôr a mão na massa!

Para que você não se perca na hora de estudar, recomendamos que você baixe gratuitamente a planilha “Como organizar os estudos para o Enem“. Faça já seu cronograma!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

prouni, crédito estudantil, fies ou bolsa privada

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.