Saiba como fazer a inscrição para os vestibulares de 2020

estudante de cursos a distância

A realização do vestibular é um dos passos mais importantes na vida do estudante. Afinal, é a partir dessa fase que começa todo o futuro profissional. Dessa forma, o momento merece atenção e cuidado, de modo a evitar falhas que comprometam o desempenho.

Sendo assim, anote, logo, nossas dicas de como fazer a inscrição para o vestibular:

  • mapeie as faculdades de interesse;
  • faça sua inscrição com antecedência;
  • leia os editais;
  • defina a graduação que cursará;
  • escolha a modalidade ideal;
  • selecione o campus da faculdade.
  • confira o horário e o local da prova.

Não deixe, ainda, de seguir outras orientações relevantes, para seus estudos, em nosso blog Vestibulares, combinado? Seja para estudar sozinho para o vestibular, seja para estudar em grupo, existem muitos conteúdos proveitosos para você.

Agora, que tal darmos uma olhada mais minuciosa, em cada um dos itens mencionados, para não restar nenhuma dúvida? É só seguir na leitura!

Como fazer a inscrição para o vestibular?

Tanto na inscrição do Enem, quanto na matrícula do vestibular, tenha cuidado para não pular nenhuma etapa, nem se esquecer de datas importantes, como o pagamento do boleto. Assim, crie um cronograma com tudo o que precisa ser lembrado e cole na parede do quarto. Depois, fique atento aos seguintes passos.

Mapeie as faculdades de interesse

A escolha da instituição é uma das partes essenciais. Quando ela conta com bons professores, o ensino tem qualidade, o que é um preditor de que você sairá preparado para o mercado de trabalho e terá mais sucesso na carreira.

Também prefira faculdades bem-conceituadas e reconhecidas pelo MEC, pois seu diploma não terá valor se houver empecilhos relacionados a isso.

Faça sua inscrição com antecedência

Algumas pessoas ficam tão sossegadas quando existe um longo período na inscrição para o vestibular que acabam deixando para o último dia e, no fim, têm prejuízo. Tenha em mente que ao fazer isso, há um grande risco de algo dar errado: você esquece, o site sai do ar, a internet cai ou falta luz em casa.

Então, não caia nessa. Assim que a fase da inscrição abrir, realize logo a sua e garanta uma cadeira no dia da prova.

Não se esqueça, ainda, de que algumas instituições têm vestibular no meio do ano. Eles costumam ser menos concorridos, o que pode ser uma oportunidade a mais para você tentar sua vaga.

É nessa fase, também, que você decide se opta concorrer por cotas ou ampla concorrência, de acordo com o que for apropriado ao seu caso.

Leia os editais

Cada vestibular tem suas regras específicas. Assim, não deixe de ler os editais e conferir esses detalhes. Veja, por exemplo, a cor da caneta. Algumas bancas fazem restrição em relação a isso. Da mesma forma, lápis e borracha nem sempre são permitidos. Também, não se esqueça de checar os documentos para identificação. Imagina se você é impedido de realizar o teste por causa disso!

É no edital, ainda, que estão as matérias que cairão na prova. Tenha atenção a esse ponto, pois eles podem variar de acordo com a faculdade ou com a cidade na qual você prestará o vestibular.

Por fim, verifique por quantas fases você passará nas provas, de modo a evitar surpresas.

Defina a graduação que cursará

Você já escolheu qual curso fará? Essa decisão deve ser bem considerada, seguindo não só suas preferências, mas também o mercado de trabalho e as chances de empregabilidade mais tarde.

Sendo assim, pesquise bastante. Leia a grade curricular da graduação. Se puder, converse com profissionais já formados na área. Eles darão uma visão mais específica sobre as dificuldades na carreira e poderão dar outras dicas para que você as coloque em prática já no começo da faculdade.

Depois, claro, não se esqueça de fazer seu plano de estudos, que pode ser baseado na Trilha do Enem ou em uma programação mais individual.

Escolha a modalidade ideal

Hoje em dia, contamos com modalidades capazes de facilitar nosso caminho nos estudos. Um curso EAD é ideal para quem necessita de flexibilidade na rotina. Quem tem filhos pequenos ou alguma dificuldade de deslocamento, por exemplo, se dará muito bem com esse estilo de ensino.

Nessa modalidade, as aulas podem ser 100% online, mas em uma plataforma que facilita a interação com professores e colegas. Também, há cursos semipresenciais, que permitem mais planejamento e adaptação da sua parte.

Mas claro, o modelo tradicional também é ótimo e ainda muito buscado. Ele é indicado para quem tem preferência pelas aulas presenciais diárias e pelo contato mais próximo com os amigos e o corpo docente.

Selecione o campus da faculdade

Diversas faculdades contam com mais de um campus em uma mesma cidade. Se for o caso da sua, preste atenção e escolha aquele que facilite a sua mobilidade. Também, verifique se ele disponibiliza recursos importantes para sua formação, como laboratórios e salas para prática, além de outros pontos interessantes dentro da infraestrutura.

Confira horário e o local da prova

Você não vai querer correr o risco de virar meme, certo? Então, não se esqueça de conferir horário e local da prova, para não dar de cara com o portão fechado. Programe sua saída de casa, com bastante antecedência. Às vezes, é melhor aguardar um pouco na entrada, a perder a oportunidade de uma vaga por causa de alguns minutos, não acha?

De preferência visite antes a localidade em que a prova será aplicada. Isso fará você perceber o melhor caminho para o dia, evitando, por exemplo, ruas fechadas e trânsito pesado.

Como é uma prova de vestibular?

Com exceção do Enem, cada faculdade tem seu próprio modelo de prova. Geralmente, o edital aborda a quantidade de questões e quais serão seus estilos. Contudo, de modo geral, as provas podem abordar:

  • questões de múltipla escolha: são aquelas que deve-se optar, entre algumas alternativas, qual a correta;
  • questões dissertativas: são aquelas com perguntas abertas. É preciso escrever a resposta adequada;
  • redação: o candidato escreve sobre um tema em um espaço de 20 a 30 linhas, usando bem os recursos de coesão, coerência, gramática e ortografia.

Para cada teste, é dada uma nota. Depois, elas são somadas, seguindo critérios específicos, de modo a obter uma lista de classificação. No fim, são selecionados os candidatos que ficaram acima da nota de corte.

Já finalizando nossas dicas, tenha certeza do que você pode ou não levar no dia. Isso é explicitado no edital, que estabelece regras sobre celular, bonés e relógios, por exemplo, além de apontar se há exigências e proibições sobre os recipientes para lanche e água.

Como você viu, não há mistérios na inscrição para o vestibular, contudo, ela deve ser levada a sério para que você não tenha surpresas desagradáveis lá na frente.

Gostou do conteúdo? Que tal encontrar um curso ideal para você e começar logo seus estudos? Então, confira o nosso site e faça a sua inscrição!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.2 / 5. Número de votos: 5

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

2 Comentários

    gostaria de saber se precisa ir ao institudo se ja realizei a prova online aqui no site . Se vale somente a do site ou é nescessario ir pessoalmente tambem ?

      Oi, Nathalia! Tudo bem? Se você fez o vestibular online, não é necessário ir até a instituição. O resultado sai em média 2 a 4 dias após a realização da prova. E pode ser conferido na sua área do candidato!

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instituições Participantes do Vestibulares

O Vestibulares traz informações sobre os processos seletivos de sete instituições pelo Brasil: