Crise dos refugiados: veja como abordar esse assunto vestibular

Crise dos refugiados

O Brasil é um país com vários problemas. Lidamos constantemente com casos de corrupção, convivemos com a violência e o descaso em muitas regiões do território e, infelizmente, já passamos por grandes crises econômicas e sociais ao longo da nossa história. Ainda assim, você já parou para refletir sobre quão privilegiados somos?

A crise dos refugiados é uma área do estudo que vai muito além da sua relevância para o vestibular. Aqui, estamos nos referindo a pessoas que são privadas do direito de liberdade em suas pátrias, que convivem diariamente com a fome e a miséria e que correm sérios riscos de vida caso permaneçam onde estão.

O que é a crise dos refugiados? Quais são as causas que os fazem deixar os próprios países e se arriscarem em busca de uma vida mais tranquila? Continue a leitura e tire todas as suas dúvidas!

O que é a crise de refugiados?

A busca por refúgios em outros países é algo que acompanha a sociedade desde os primórdios. No entanto, o fenômeno se intensificou em escala mundial a partir de 1950, com o fim da Segunda Guerra Mundial e o início de uma nova leva de conflitos civis nas nações.

A partir de 2015, na Europa, a situação se tornou mais grave. Os refugiados, nesse caso, vinham de países africanos e do Oriente Médio, com o objetivo de fugir das guerras e da fome que assolava os seus países.

De acordo com o relatório de 2021 da ACNUR (Agência da ONU para Refugiados), há mais de 80 milhões de pessoas em situação de refúgio no mundo. Por isso, esse é um tema bem provável de cair no Enem, já que ainda faz parte das atualidades do ano.

Quais foram as regiões mais afetadas pela crise?

Os países com maior número de refugiados são:

  • Síria;
  • Venezuela;
  • Afeganistão;
  • Mianmar.

Já quando o assunto é receber os refugiados, alguns dos países que lideram o ranking são: Turquia, Paquistão, Uganda, Alemanha, França, Itália e Suécia.

Quais são as principais causas da crise dos refugiados?

Algumas das principais causas da busca por refúgio são:

  • falta de respeito à diversidade religiosa, ou seja, intolerância a diferentes tipos de religião;
  • perseguições ideológicas;
  • conflitos políticos;
  • guerras civis;
  • fome e miséria;
  • instabilidade econômica;
  • desemprego.

Quais são os grupos de refugiados no Brasil?

No Brasil, os grupos de refugiados mais abundantes são os originados da:

  • Venezuela;
  • Síria;
  • Congo.

A crise na Venezuela é um dos responsáveis por esse número. A proximidade do Brasil com a nação venezuelana contribui fortemente para que sejamos um dos principais destinos desses refugiados.

Qual é a importância de estudar sobre o tema?

Estudar o tema dos refugiados é importante para que possamos compreender a situação que milhões de pessoas estão passando nesse exato momento. Muitas vidas foram perdidas nas travessias do Mar Mediterrâneo, por exemplo, quando africanos tentavam chegar a países como a Itália ao fugirem de situações incompatíveis com a vida em seus locais de origem.

É importante analisar, também, o aspecto socioemocional da situação. A necessidade de fugir de seu país e deixar seus familiares, muitas vezes sem saber se voltarão a vê-los um dia, é de uma violência gravíssima.

Esse tema é muito relevante para os vestibulares, mas também para a humanidade. Afinal, muitos refugiados sofrem preconceitos nas nações que os acolhem. É preciso criar consciência e valorizar a trajetória desses verdadeiros guerreiros.

Onde encontrar informações fidedignas sobre a crise dos refugiados?

Para fugir de fake news, a dica é sempre buscar informações em canais oficiais, como jornais e revistas conceituados. Além disso, órgãos governamentais e o site da ONU também trazem dados confiáveis.

Tour pela prova do Enem

Por fim, outra dica é: abra a sua mente e, se possível, converse com pessoas refugiadas. Há muitas delas em grandes centros e até mesmo cidades pequenas. Em São Paulo, por exemplo, há restaurantes típicos abertos por esses povos, além de exposições, feiras e muito mais.

É uma ótima chance de fazer um passeio cultural bacana e conhecer uma versão da história que poucas pessoas contam. Confira as opções em sua cidade!

Como o tema dos refugiados é cobrado nos vestibulares?

Confira, agora, um exemplo de como a crise dos refugiados pode cair no Enem e nas provas de vestibular.

(Enem 2018) “Em Beirute, no Líbano, quando perguntado sobre onde se encontram os refugiados sírios, a resposta do homem é imediata: “em todos os lugares e em lugar nenhum”. Andando ao acaso, não é raro ver, sob um prédio ou num canto de calçada, ao abrigo do vento, uma família refugiada em volta de uma refeição frugal posta sobre jornais como se fossem guardanapos. Também se vê de vez em quando uma tenda com a sigla ACNUR (Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados), erguida em um dos raros terrenos vagos da capital”.

JABER, H. Quem realmente acolhe os refugiados? Le Monde Diplomatique Brasil. out. 2015 (adaptado).

O cenário descrito aponta para uma crise humanitária que é explicada pelo processo de:

a) migração massiva de pessoas atingidas por catástrofe natural;

b) hibridização cultural de grupos caracterizados por homogeneidade social;

c) desmobilização voluntária de militantes cooptados por seitas extremistas;

d) peregrinação religiosa de fiéis orientados por lideranças fundamentalistas;

e) desterritorialização forçada de populações afetadas por conflitos armados.

Resposta: letra e.

Além disso, o tema pode aparecer na redação, ou você pode usá-lo para contextualizar o seu texto. Fique ligado!

Agora é com você!

A crise dos refugiados é um assunto muito importante para os vestibulares e para a vida. Por isso, continue se informando sobre o tema e não deixe de buscar fontes de confiança para o desenvolvimento do seu conhecimento.

Então, baixe o e-book gratuito “Atualidades no Enem: guia prático para nortear seus estudos! Aproveite, é gratuito!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3.7 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos!

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Oops! Invalid captcha, please check if the captcha is correct.