5 dicas para se dar bem na prova de português no Enem

5dicasparasedarbemnaprovadeportuguesnoenem

Se você vai fazer o Enem, provavelmente tem uma série de assuntos que precisa estudar. Além disso, talvez você esteja priorizando aquelas matérias que parecem mais difíceis, principalmente se for do tipo de estudante que não leva jeito para Exatas, mas quer tentar algum curso da área.

No entanto, focar uma disciplina não significa deixar de lado aquelas que parecem mais tranquilas, não é? Pensando nisso, viemos contar como você pode se sair bem em português no Enem, seja você um estudante #TeamHumanas, seja você do #TeamExatas. Vamos lá!

1. Estude interpretação de texto

Talvez você ainda não saiba, então nós vamos contar: a interpretação de textos é uma grande amiga não somente para ter um bom desempenho em português no Enem, mas também para melhorar sua pontuação em todas as áreas do conhecimento que são exigidas no exame.

Além de facilitar na hora de entender os enunciados das questões, a habilidade de interpretar é a maior aliada que você pode ter para encontrar informações relevantes nos textos, compreender a proposta de redação e, inclusive, pode ser útil quando você estiver em dúvida entre alternativas e precisar eliminar uma delas.

Portanto, estudar e praticar a interpretação devem ser os primeiros itens da sua lista de tarefas para garantir sua nota em português! 

2. Revise provas anteriores

Você já deve ter ouvido por aí que estudar o passado é importante para conhecer o futuro, certo? Isso também se aplica ao mundo do Enem e aos vestibulares em geral! Acredite, as provas antigas têm muito a dizer.

Sendo assim, fica a dica: separe um momento da sua rotina de estudos para resolver questões que foram cobradas anteriormente. Fazendo isso, você vai conhecer a abordagem das perguntas, poderá identificar quais são os assuntos de português mais cobrados no Enem e, melhor que isso, essa é uma excelente maneira de testar seus conhecimentos.

3. Crie o hábito de ler mais

Não tem jeito: a leitura precisa entrar na sua rotina quanto antes! E se você não sabe por qual motivo ela é tão importante, a verdade é que existem várias razões para começar a ler um pouco todos os dias.

A primeira delas é que isso vai facilitar a sua vida quando você se deparar com os textos das questões. Cá entre nós, é muito mais fácil lidar com algo quando você tem a prática, concorda? Por isso, leia mais e evite o risco de dormir no segundo parágrafo da primeira questão da prova.

Além disso, outro benefício da leitura é o aumento do vocabulário. Sabe quando você vê um exercício e não consegue resolver simplesmente por não conhecer uma palavrinha ou outra? Isso acontece com muita frequência com quem não costuma conhecer palavras novas.

Porém, quando você se torna um leitor dedicado, o seu vocabulário passa a ser cada vez maior. Com isso, você aprende o significado de termos que não fazem parte do seu cotidiano, mas que podem fazer parte do enunciado de uma questão do Enem.

Aliás, aumentar seu vocabulário também é positivo para garantir pontos extras na redação. Ou seja: um livro pode ser a ajuda de que você precisava!

4. Não se esqueça da gramática

Produção textual, literatura, ortografia… e, sim, a gramática. Gostando dela ou não, o fato é que esse ramo da Língua Portuguesa vai aparecer nas questões do exame, e é essencial que você esteja preparado para isso. Então, nada de ignorar essa parte apenas por não ser a sua favorita, ok? Abra uma videoaula de Português para o Enem e já comece a se preparar!

Aliás, uma forma interessante de memorizar as regras gramaticais é aplicando cada uma delas em um contexto, já que a prova normalmente não exige apenas os conceitos e as normas. Quer outra dica? Faça simulados para saber se conseguiu absorver o conteúdo estudado. Um bom lugar para encontrá-los é no site Trilha do Enem, que oferece simulados gratuitos.

5. Peça que corrijam suas redações

Imagine uma atividade capaz de ajudar você a melhorar sua argumentação, ter um vocabulário diversificado e checar se está se saindo bem na gramática e na ortografia… imaginou? Sim, estamos falando da redação! Porém, se fazer redações já traz resultados, algo que funciona ainda mais é pedir para alguém corrigi-las, principalmente se você tiver dificuldades em português.

Dessa maneira, você não vai simplesmente escrever, mas vai conseguir mensurar seu nível de aprendizagem, conhecer seus principais erros de português e os aspectos nos quais ainda precisa evoluir. E se você não conhecer professores que possam fazer essas correções, vale a pena falar com aquele amigo que sempre teve as melhores notas em português. O importante é ser alguém que saiba mais que você, não é mesmo?

Agora é com você! Coloque as dicas em prática, tenha as provas anteriores sempre por perto e prepare-se para mandar bem.

Gostou das nossas dicas? Aproveite sua visita no blog e continue lendo, em nosso próximo artigo, mais conselhos para arrasar no Enem!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instituições Participantes do Vestibulares

O Vestibulares traz informações sobre os processos seletivos de sete instituições pelo Brasil: