O que foi o Feudalismo e como estudar o assunto?

Feudalismo

Você já ouviu falar sobre o Feudalismo? É bem provável que sim! Ainda que você não saiba exatamente o que significa esse termo, ele é bastante difundido e faz parte de outro assunto muito importante da nossa história: a Idade Média, período que sucede a Idade Antiga (época das grandes civilizações, como Roma, Grécia e Egito) e precede a Idade Moderna.

Afinal, o que foi o Feudalismo? Como ele é cobrado nos vestibulares? Quais são as suas principais características? Socorro!

Ei, vestibulando, fique calmo! A seguir, você terá acesso às respostas para todas essas perguntas em um resumo claro e objetivo que o ajudará a dar o pontapé inicial em seus estudos sobre o tema. Boa leitura!

O que foi o Feudalismo?

Entender o que foi o Feudalismo é um dos principais pontos para se dar bem na prova de Ciências Humanas e suas Tecnologias do Enem. O Feudalismo não foi um evento, um período ou uma revolta, mas sim uma forma de organização social e econômica que aconteceu durante a Idade Média.

Para entender melhor essa diferença, podemos pensar em termos como o Socialismo e o Capitalismo, por exemplo. São conceitos que estão acontecendo em simultâneo com as mudanças e os eventos sociais.

Quais são as características do sistema feudal?

As principais características do Feudalismo são:

  • poder focado nos senhores feudais e não necessariamente no Rei;
  • terra = poder;
  • agricultura em alta;
  • declínio do comércio (ele existia, mas em pouquíssima quantidade);
  • sociedade estratificada (servos, nobreza e clero) e com pouca ou nenhuma mobilidade social;
  • relação de servidão em troca de terras e proteção (suserania e vassalagem);
  • pouca utilização de moedas ou dinheiro;
  • fortalecimento da Igreja Católica, que passou a ter uma grande importância política.

Qual é a origem do Feudalismo?

A origem do Feudalismo se deu, principalmente, no Império dos Francos. No entanto, sua semente começou a ser plantada bem antes, já no período do apogeu Romano. Na história, muitas vezes, há uma dificuldade de precisar exatamente quando um processo começou, ainda mais um tão distante.

No entanto, o que se sabe é que o Feudalismo surgiu a partir da necessidade de proteção dos grandes donos de terra. Com isso, eles começaram a unir forças com seus servos em troca de proteção e, claro, da concessão de um local para que eles pudessem tirar seu sustento.

Quanto tempo durou o Feudalismo?

O Feudalismo durou cerca de mil anos. A Era Medieval é dividida entre Baixa e Alta Idade Média, devido à sua longa duração.

Como ocorreu a crise do Feudalismo?

O processo de crise do Feudalismo também teve uma duração considerável e foi bem progressivo. É sempre importante nos lembrarmos que, na história, nada simplesmente acontece de um dia para o outro.

Muitos fatores contribuíram para o fim desse sistema social. Alguns dos mais marcantes foram:

  • mudanças climáticas, que ocasionaram uma crise na produção agrícola;
  • migração das pessoas para as cidades, deixando o campo;
  • surgimento de pequenas formas de comércio, o que daria origem a uma nova classe social: a burguesia;
  • guerras e o gasto intenso com os conflitos e expedições (entre eles, as Cruzadas);
  • alta mortalidade da população rural devido a doenças causadas pela falta de higiene, entre outras razões;
  • desenvolvimento de novas tecnologias e novos pensamentos, como os vistos durante o Renascimento.

Quais foram os impactos desse sistema?

Os impactos do Feudalismo para a sociedade podem ser vistos sob perspectivas diferentes, tanto analisando os eventos da própria época quanto trazendo a análise para os dias atuais.

Dentro do próprio período, o Feudalismo contribuiu para o fortalecimento da riqueza de poucas pessoas, gerando, desde já, uma grande desigualdade social. No entanto, essa Era também permitiu a solidificação de comunidades, gerando uma boa noção do funcionamento das cidades e pavimentando o caminho para o que vemos hoje em dia.

Outra característica importante foram os surgimentos das primeiras faculdades, o que permitiu que o avanço científico desse seus primeiros passos nessa época.

banner calculadora bolsa enem

Por fim, temos o fortalecimento e a consolidação do Catolicismo que, ainda hoje, é uma das igrejas mais fortes e consistentes do Ocidente.

Como estudar esse assunto para o vestibular?

Agora, que tal conferirmos algumas dicas para tornar o estudo do tema Feudalismo muito mais eficiente?

Crie uma imagem do assunto

Um dos maiores problemas na hora de estudar História é a dificuldade que temos de visualizar o que está sendo ensinado, não é mesmo? Sendo assim, que tal otimizar seus estudos sobre Idade Média no Enem com a ajuda de filmes e séries sobre o assunto?

Alguns títulos bacanas para distraí-lo e ensiná-lo ao mesmo tempo são:

  • Vikings (série);
  • The Tudors (série);
  • Roma (série);
  • O Nome da Rosa (filme);
  • Cruzada (filme).

 Confira leituras e fontes diferentes

Além de ver filmes e séries, buscar outras fontes de leitura também é uma maneira bacana de melhorar o seu estudo de História no Enem.

Por isso, nada de ficar só nas apostilas! Busque resumos de fontes diferentes, ouça podcasts para o Enem, converse com seus amigos, leia romances sobre o tema… Tudo é válido na busca do conhecimento e, certamente, você aprenderá muito melhor utilizando diferentes recursos.

Faça mapas mentais e resumos

Pessoas diferentes têm métodos de aprendizado diversos, isso é fato. No entanto, uma coisa é quase um consenso: o uso de mapas mentais e resumos eficientes ajuda bastante na hora de estudar.

Por isso, que tal fazer um mapa mental sobre a Idade Média? O legal de investir nesse tipo de estratégia é que, além de ajudá-lo a estudar, o mapa também vai poder ser utilizado no futuro, na hora de fazer a revisão sobre o assunto. Assim, você facilita a sua própria vida!

Conte com a ajuda de bons materiais

A nossa última dica é sobre a escolha de bons materiais para a hora de estudar. E, claro, eles não podem vir sozinhos. Devem estar acompanhados da didática de professores qualificados e que saibam contribuir para que você siga seu plano de estudo para o vestibular com eficiência!

Para ajudar você a não ficar procurando pelo lugar certo para estudar, vamos dar uma dica preciosa. Segura aí! Confira o portal Trilha do Enem. Lá, você encontra tudo o que precisa para se destacar em suas provas e conseguir a sua tão sonhada vaga na faculdade!

Como o Feudalismo aparece no Enem?

Para finalizar, olha só esta questão do Enem.

(Enem 2015) A casa de Deus, que acreditam una, está, portanto, dividida em três: uns oram, outros combatem, outros, enfim, trabalham. Essas três partes que coexistem não suportam ser separadas; os serviços prestados por uma são a condição das obras das outras duas; cada uma por sua vez encarrega-se de aliviar o conjunto… Assim a lei pode triunfar e o mundo gozar da paz.

ALDALBERON DE LAON, In: SPINOSA, F. Antologia de textos históricos medievais. Lisboa: Sá da Costa, 1981.

A ideologia apresentada por Aldalberon de Laon foi produzida durante a Idade Média. Um objetivo de tal ideologia e um processo que a ela se opôs estão indicados, respectivamente, em:

a) justificar a dominação estamental / revoltas camponesas;

b) subverter a hierarquia social / centralização monárquica;

c) impedir a igualdade jurídica / revoluções burguesas;

d) controlar a exploração econômica / unificação monetária.

e) questionar a ordem divina / Reforma Católica.

Resposta: A

A história continua!

O Feudalismo aconteceu há muito tempo, mas ainda é um assunto muito cobrado nas provas e, claro, muito importante para que possamos conhecer mais sobre a nossa própria história. Foi um período marcado por muitos acontecimentos que moldaram a sociedade atual e que, por isso, não pode ficar de fora de seu cronograma de estudos.

Agora que já você já compreendeu melhor essa época, que tal descobrir o que vem a seguir? Confira nosso post sobre o Renascimento e dê um pequeno salto na linha do tempo!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

prouni, crédito estudantil, fies ou bolsa privada

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos !

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.