Ângulos internos e externos: veja como estudar para o vestibular

Ângulos internos e externos

A prova de Matemática no Enem e em outros vestibulares exige muito dos candidatos às vagas em faculdades privadas e particulares de todo o Brasil. Por isso, o ideal é garantir que o máximo de conteúdos possível seja abordado ao longo da sua preparação.

Um dos assuntos que você não pode deixar de estudar é o tema de ângulos internos e externos. A compreensão desse conteúdo é fundamental para a construção de uma base sólida que será utilizada em outros momentos do seu aprendizado.

E então, tudo pronto? Vamos descobrir mais sobre o cálculo dos ângulos e saber como esse assunto pode aparecer em suas provas de vestibular. Boa leitura!

O que são ângulos internos e externos?

O conceito de ângulo diz respeito ao espaço encontrado entre duas linhas ou planos que se tocam ou passam um pelo outro. Pode, também, ser definido como a “abertura” encontrada a partir de um dos vértices de um polígono.

Sendo assim, ângulo interno é o espaço encontrado “para dentro” da figura, enquanto o externo está imediatamente acoplado ao vértice, “por fora”.

O ângulo externo também pode ser obtido a partir do prolongamento de um segmento de reta, como observado na imagem a seguir.

Dominar esses conceitos é imprescindível para a sua prova do Enem ou vestibular. Então, faça as anotações!

Qual é a relação com trigonometria?

Total! O estudo dos ângulos internos e externos é inerente à Trigonometria e, portanto, será cobrado na prova de Geometria do Enem.

Para o estudo dos triângulos, precisamos lembrar que:

  • a figura triangular tem 3 ângulos externos e 3 ângulos internos;
  • a soma dos ângulos externos do triângulo é de 360°;
  • a soma dos ângulos internos do triângulo é de 180°.

Com essas informações, você já consegue resolver um montão de exercícios!

Qual é a importância de exercitar o conhecimento?

Para mandar bem nas competências do Enem e arrasar na prova, conseguindo uma boa pontuação, é indispensável que você realize muitos exercícios sobre os assuntos estudados.

Com isso, você fixa melhor a matéria e revisa os assuntos, sempre que entrar em contato com uma nova questão.

Lembrando que errar é humano, mas é importante que você compreenda as razões pelas quais errou. Por isso, busque resoluções dos exercícios e aprenda com os seus erros!

Tour pela prova do Enem

Como são os exercícios para entender sobre ângulos internos e externos?

Os exercícios de ângulos internos e externos abordam o tema diretamente, mas a partir da contextualização de um problema que precisa ser resolvido.

Para que você entenda melhor o conceito, separamos um exercício sobre o tema que já apareceu em uma edição anterior de provas de vestibular. Vamos conferir?

(UNIFESP) Pentágonos regulares congruentes podem ser conectados lado a lado, formando uma estrela de cinco pontas, conforme destacado na figura a seguir:

Nessas condições, o ângulo θ mede:

a) 108°;

b) 72°;

c) 54°;

d) 36°;

e) 18°.

Resposta: letra d.

Agora é com você!

Gostou de aprender mais sobre os ângulos internos e externos? Agora, é hora de você caprichar na resolução de muitas questões para pegar o jeito desse assunto. E, claro, lembre-se de revisar o tema algumas vezes até o dia das provas.

Aproveite e confira o nosso material “Matemática e suas Tecnologias no Enem: guia para entender e conquistar uma boa nota“, que tem dicas para você mandar bem na sua prova. Aproveite, é gratuito!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3.7 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Dê mais um passo na direção do Vestibular dos seus sonhos!

Assine nossa Newsletter e receba nossos artigos em primeira mão!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Oops! Invalid captcha, please check if the captcha is correct.